Rossi e Lorenzo são contra provas de F1 em Assen

compartilhar
comentários
Rossi e Lorenzo são contra provas de F1 em Assen
Valentin Khorounzhiy
Por: Valentin Khorounzhiy
28 de jun de 2018 21:32

Pilotos expressaram esperança de que a Fórmula 1 não adicione Assen ao seu calendário, devido ao impacto na pista e layout

Press Conference, Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Start action, Johann Zarco, Monster Yamaha Tech 3 leads
Press Conference, Jorge Lorenzo, Ducati Team
Lorenzo entering pits to change tyres
Andrea Dovizioso, Ducati Team
Press Conference, Marc Marquez, Repsol Honda Team, Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing

O circuito de Assen vem sendo ligado a um potencial GP de F1 a partir de 2020. O diretor da FIA, Charlie Whiting, visitou a pista em janeiro e disse que apenas pequenas mudanças são necessárias para que seja elegível a sediar o GP da Holanda, enquanto em março o circuito apontou um promotor para negociar um acordo com a Liberty Media.

No entanto, quando perguntado sobre isso antes da edição deste ano, Jorge Lorenzo e Valentino Rossi não receberam bem a perspectiva de uma corrida de F1 na pista.

"Espero que eles não venham, porque a F1 tem muitas pistas que eles usam apenas para os carros, como Le Castellet [Paul Ricard] na semana passada, e aqui Assen é apenas para motos historicamente", disse Rossi.

“Antes de mais nada, seria uma pista particular para a F1, mas melhor não ter F1 para nós porque você tem menos ondulações, e acho que para o lado histórico é melhor que apenas as corridas de MotoGP fossem aqui.”

Assen já sediou uma grande variedade de eventos de automobilismo em sua história, em categorias de moto e carro.

Várias categorias da F3 e Formula Renault, bem como os já extintos campeonatos Auto GP e Superleague Formula, correram lá, enquanto a Champ Car realizou uma corrida na pista em 2007.

O calendário da MotoGP atualmente compartilha quatro circuitos com a F1, e todos elas enfrentaram críticas de pilotos sobre as ondulações, com downforce gerado pelos carros de F1 amplamente vistos como culpados.

O tricampeão Jorge Lorenzo compartilhou a preocupação de Rossi sobre as ondulações, mas também disse que ele tem alguma preocupação com possíveis mudanças de layout.

"Espero que a F1 não venha aqui, em primeiro lugar por causa das ondulações, e segundo provavelmente porque eles terão que modificar a pista", disse o piloto da Ducati.

"Seria muito estranho ver os carros de F1 andando em uma pista completamente verde [com grama] fora da pista, mas tudo é possível.”

"Eu não sei as modificações que eles deveriam fazer nesse caso, mas obviamente para as ondulações será melhor se a F1 não vier aqui."

O companheiro de equipe de Lorenzo na Ducati, Andrea Dovizioso, lançou dúvidas sobre a viabilidade de uma corrida de F1 em Assen, mas não se opôs a isso.

"Aqui? Impossível ”, disse ele. “Porque é muito apertado. Muito pequeno. Se eles fizerem algumas mudanças. Se for acontecer, vai ser legal. Não é problema meu.”

Marc Márquez adotou um ponto de vista semelhante, e disse que a probabilidade de uma superfície mais ondulada não o incomoda.

“A F1 seria muito, muito rápida porque há muitas curvas rápidas e talvez o tempo de volta seja de um minuto, não sei, porque eles são muito rápidos.”

“Mas sempre é bom quando a F1 está interessada em um circuito como o Assen, mas sim, então isso para a moto significa que teremos algumas ondulações, mas isso não é um grande problema.”

Reportagem adicional por Oriol Puigdemont

Próxima Fórmula 1 matéria
Pilotos da F1 fazem alerta sobre zonas de DRS "Mario Kart"

Previous article

Pilotos da F1 fazem alerta sobre zonas de DRS "Mario Kart"

Next article

Pérez contraria Force India e diz que Renault é alcançável

Pérez contraria Force India e diz que Renault é alcançável