Rubinho: "Ter esperança é a melhor forma de encarar esta corrida"

compartilhar
comentários
Rubinho:
Por: Bruno Vicaria
25 de mai de 2011 11:41

Ciente de que não possui o melhor equipamento, piloto torce para que pista nivele os carros, assim há alguma chance de evoluir

Rubens Barrichello
Apostando na nivelação dos carros por conta das características da pista, Rubens Barrichello acredita ter esperança de poder ter uma boa atuação no GP de Mônaco.
 
Ouvido pelo TotalRace nesta quarta, já que as atividades em pista têm início no dia seguinte, o brasileiro afirmou que Monte Carlo é mais impulso que experiência, resultando em "adrenalina pura".
 
"Ter esperança é a melhor forma de encarar esta corrida. É uma pista que, dependendo do acerto, muita gente chega a extrair 100% do carro. Aqui, você consegue uma chance melhor de brigar com as outras equipes", comenta.
 
"Mônaco é mais agressividade, impulso, frear dentro das curvas; a experiência sempre ajuda no acerto, em algo diferente, mas a verdade é que é pura adrenalina", afirma o piloto de 39 anos, que disse ter sido uma vitória conseguir proibir a asa móvel no túnel, na condição de líder da GPDA (Comissão dos Pilotos).
 
"Me sinto privilegiado de poder ter reunido os meninos para poder ter esse resultado final. Não eram todos a favor disso, por isso demorou um pouco mais. Estou contente com o resultado da FIA. Teremos a asa móvel para testar em situações de não tanto perigo. As ultrapassagens serão mais em cima da degradação dos pneus que por velocidade. Não usar a asa dentro do túnel foi uma decisão sábia."
 
Sobre os pneus levados pela Pirelli, o representante da Williams acredita que uma melhor opinião sobre os compostos macios e supermacios será no sábado, quando a pista estará mais emborrachada pela F-1 e pelas outras categorias nos dias anteriores.
 
"Monte Carlo tem a pista suja e muitos pilotos vão falar que o pneu não aguentará. A borracha crescerá no sábado e no domingo. Realmente, esse pneu não durava duas horas em outras pistas, mas em Mônaco a coisa pode ficar melhor", analisa.
 
"Estou com mente aberta para tudo o que tem para acontecer. O ritmo em Mônaco é bem puxado e será um grande prazer fazer a volta de classificação quase batendo em tudo", completa Rubinho.
 
(Colaborou Felipe Motta, de Mônaco)
Next article
Entenda como funciona uma caixa de câmbio na F-1

Previous article

Entenda como funciona uma caixa de câmbio na F-1

Next article

Confusão em cima do nome Lotus termina bem para os dois lados

Confusão em cima do nome Lotus termina bem para os dois lados
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP de Monaco
Pilotos Rubens Barrichello
Autor Bruno Vicaria
Tipo de matéria Últimas notícias