Sainz: falta de ganho no motor explica queda da Renault

compartilhar
comentários
Sainz: falta de ganho no motor explica queda da Renault
Jonathan Noble
Por: Jonathan Noble
9 de out de 2018 11:24

Carlos Sainz acredita que a falta de progresso no motor na segunda parte da temporada explica a queda de rendimento da Renault na F1.

A fabricante francesa foi uma competidora constante na parte da frente do pelotão intermediário, mas perdeu terreno nas prova recentes com o desenvolvimento das outras equipes.

Mas, por mais que algumas dificuldades da Renault tenham sido graças ao carro em si, Sainz acredita que a falta de atualização no motor na segunda parte da temporada também prejudicou.

A Renault optou por não adotar a especificação C, já que havia preocupações com a confiabilidade, mesmo que a Red Bull tenha mostrado que há ganhos de performance.

“Acho que houve um grande revés provavelmente do lado do motor”, disse Sainz ao Motorsport.com. “Não esperávamos que Ferrari e Mercedes dessem um passo tão grande durante o ano.”

“Pensamos que a especificação B seria suficiente, mas vimos no momento que não é. Trouxemos novidades ao chassi – provavelmente o chassi não é tão ruim, mas em velocidade final não estamos onde gostaríamos.”

Questionado se, analisando em retrospecto, seria melhor a Renault ter adotado a especificação C, Sainz respondeu: “Se ele vem sem confiabilidade, não.”

“A equipe está totalmente certa de que, com nosso combustível, ele não é confiável o suficiente. Então, apoio totalmente a equipe em qualquer decisão que eles tomarem.”

“Acho que precisamos de mais potência, o que não temos, e não temos por qualquer razão. Se quiséssemos estar no Q3 no Japão, precisávamos de mais potência, a e Honda mostrou que isso é possível.”

Sainz acredita que a Renault precisa fazer uma análise mais profunda do que aconteceu para entender exatamente por que os outros deram um passo maior.

“Sinto que houve uma grande corrida de desenvolvimento durante o ano”, disse.

“Vi a equipe se esforçando bastante para trazer peças [novas] em todas as corridas. Trouxemos muitas coisas durante o ano, mas provavelmente não tivemos tanto quanto os outros em termos de performance na pista.”

“Precisamos entender por quê. Precisamos analisar por quê. Mas, definitivamente, vemos isso no momento. Estamos longe demais para sermos postulantes ao Q3 em toda corrida.”

Carlos Sainz Jr., Renault Sport F1 Team R.S. 18

Carlos Sainz Jr., Renault Sport F1 Team R.S. 18

Photo by: Manuel Goria / Sutton Images

Próxima Fórmula 1 matéria
Hamilton: “A mídia precisa mostrar mais respeito por Vettel”

Previous article

Hamilton: “A mídia precisa mostrar mais respeito por Vettel”

Next article

Análise: Ferrari continua com seu desenvolvimento técnico

Análise: Ferrari continua com seu desenvolvimento técnico
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Carlos Sainz Jr. Shop Now
Equipes Renault F1 Team
Autor Jonathan Noble
Tipo de matéria Últimas notícias