Sainz perde 20 posições no grid de largada do GP do Japão

Piloto espanhol trocou peças em seu motor e é punido; Raikkonen também chega perto de estourar o limite

Carlos Sainz sofrerá punição no grid de largada do GP do Japão após utilizar novas peças em sua unidade de potência da Renault.

Antes do primeiro treino livre em Suzuka, o piloto da Toro Rosso utilizou seu sexto MGU-H, o quinto V6 e o quinto turbo.

Como se trata da primeira vez que ele usou um sexto elemento em 2017, ele deverá perder 10 posições pelo MGU-H, mais cinco pelo V6 e cinco pelo turbo, dando um total de 20.

Enquanto isso, Kimi Raikkonen, da Ferrari, assumiu seus quartos e últimos V6, MGU-K, Centralina eletrônica e bateria, sendo que os próximos renderão punições.

Conselheiro da Red Bull no automobilismo, Helmut Marko indicou na Malásia que Max Verstappen e Daniel Ricciardo poderiam também enfrentar punições neste fim de semana. 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Japão
Pista Suzuka
Pilotos Carlos Sainz Jr.
Equipes Toro Rosso
Tipo de artigo Últimas notícias