Sainz revela desespero ao quase vomitar durante GP

Espanhol acabou ingerindo água demais após problema técnico em seu carro, e comemora ter chegado ao fim da prova pontuando

O GP da Austrália foi um pesadelo para o espanhol Carlos Sainz Jr, da Renault. Ele teve nas primeiras voltas um problema com a bomba d’água, que leva líquido ao piloto no cockpit para hidratação durante a prova.

Com o problema agravado, Carlos ingeriu muito líquido e começou a passar mal no carro após encher seu estômago.

Mesmo assim, ele ainda finalizou as 58 voltas da prova em décimo, marcando um ponto.

“Nós tivemos um problema com a bomba d’água, e durante as primeiras 10 ou 15 voltas ela esguichava água no meu rosto sozinha, então eu bebi muita água”, explicou.

“Quando o Safety Car saiu, eu tinha muita água no estômago e, andando de um lado para o outro, sentia muito nas curvas. Não estava me sentindo bem. Consegui sobreviver o melhor que pude e cheguei ao final.”

“Me senti muito desconfortável. Com as forças G que temos neste ano e o estômago cheio de água – que se movia de um lado para o outro – não sei se fiquei com uma cãibra estomacal ou o que, mas não estava confortável.”

Sainz confirmou que seu erro na freada da curva 9, quando Fernando Alonso o ultrapassou, foi provocado por conta do desgaste físico.

“Sim, foi uma consequência do resto”, respondeu.

“Se você não está confortável, no final você não está se sentindo bem, não pode ir ao limite e não está 100%. E foi o que aconteceu hoje. Então, estou metade feliz por ter conseguido marcar um ponto, porque houve um momento na corrida em que quase comecei a vomitar durante o Safety Car. Então, me esforcei.”

Veja os destaques do GP da Austrália

 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Austrália
Pista Melbourne Grand Prix Circuit
Pilotos Carlos Sainz Jr.
Equipes Renault F1 Team
Tipo de artigo Últimas notícias