Segundo jornal francês, médicos começam a tirar Schumacher do coma

Assessoria de imprensa continua considerando qualquer informação dada por veículos de fora como especulação

Segundo a edição desta quarta-feira do jornal francês L'Équipe, os médicos têm tentado acordar o alemão Michael Schumacher do coma nos últimos dias e sua resposta tem sido positiva. O heptacampeão está internado desde o fim do ano passado no hospital de Grénoble, na França, após ter chocado sua cabeça contra uma pedra enquanto esquiava com amigos e familiares na estação de esqui de Méribel, nos Alpes Franceses.

Segundo o jornal, a tentativa de acordar o alemão é efetuada pelo serviço de neurologia, dirigido pelo professor Emmanuel Gay.

No entanto, a assessora do piloto, Sabine Kehm, se negou a comentar a informação do jornal francês na terça-feira. Kehm citou o último boletim médico divulgado pelos médicos em 17 de janeiro para dizer que o estado do alemão é estável, e não mais crítico.

"Estou salientando novamente que qualquer declaração a respeito da saúde de Michael não vinda dos médicos que tratam dele ou de sua gestão deve ser considerada como especulação”, ratificou Sabine.

"Repito que não vamos comentar sobre a especulação."

Internado, Michael Schumacher completou 45 anos no dia 3 de janeiro deste ano.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Michael Schumacher
Tipo de artigo Últimas notícias