“Sei que não ficará somente entre Mark e eu", garante Vettel

Alemão diminui importância do domínio da Red Bull nos treinos na Índia e salienta evolução da pista durante fim de semana

“É só sexta-feira”. Após liderar ambas as sessões de treinos livres para o GP da Índia, Sebastian Vettel tratou de usar seu mantra tradicional e diminuir as expectativas acerca de mais um final de semana de domínio da Red Bull.

Ouvido pelo TotalRace, o alemão salientou que a evolução da pista em Buddh costuma ser muito marcante, o que influi no rendimento dos carros ao longo do final de semana. “Sei que não ficará somente entre Mark e eu, a disputa é com todos. Na sexta-feira é sempre difícil, principalmente em um circuito como esse, que não é muito usado, o que faz com que a diferença seja muito grande até o final”.

O bicampeão, que conquistou seu primeiro grand chelem – pole, vitória liderando todas as voltas e volta mais rápida – da carreira justamente na estreia da Índia no calendário, ano passado, diz que vem tentando ser ainda melhor no circuito de Buddh. “É difícil comparar com o ano passado ou dois anos atrás, mas estou tentando melhorar, ficar mais esperto e rápido. A referência é muito forte aqui pelo que fizemos ano passado e, se conseguirmos melhorar, seria um bom começo. Mas hoje é só sexta-feira. Temos outro treino antes da classificação e vamos focar nisso antes de qualquer coisa”. 

O chefe da equipe, Christian Horner, ouvido pelo TotalRace, salientou a velocidade dos rivais em condições de corrida. “Foi uma boa sexta-feira para nós e ambos os pilotos estão felizes com o carro. Podemos ver pelos dados que, especialmente nas simulações de corrida, que as McLaren e Ferrari parecem rápidas, então ainda temos muito trabalho a fazer.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Índia
Pilotos Sebastian Vettel
Tipo de artigo Últimas notícias