Sem apoio financeiro, Marussia desiste de viagem e desfalca GP de Abu Dhabi

compartilhar
comentários
Sem apoio financeiro, Marussia desiste de viagem e desfalca GP de Abu Dhabi
Por: José Edgar de Matos
20 de nov de 2014 14:28

Equipe, ao contrário dos boatos, não viajará aos Emirados Árabes para a última etapa do Mundial de F1

Esforço dos funcionários foi em vão: Marussia está fora do GP de Abu Dhabi
A Fórmula 1 se despedirá da temporada 2014, uma das mais tumultuadas das últimas décadas, sem dois carros no grid de largada. Nesta quinta-feira, a Marussia confirmou a desistência em relação à viagem a Abu Dhabi, local da prova de encerramento do calendário, marcada para este domingo.
 
[publicidade]A Marussia tentou durante a última semana um acordo de última hora a fim de viabilizar a viagem rumo ao Oriente Médio. Entretanto, os responsáveis pela escuderia não firmaram o negócio e, sem apoio, desistiram da ida para o circuito de Yas Marina.
 
A presença da equipe anglo-russa em Abu Dhabi ganhou força nos últimos dias. Confiante na procura por um investidor, a Marussia chegou a enviar alguns equipamentos e até a reservar um espaço nos boxes em Yas Marina. Contudo, sem o dinheiro, a viagem acabou cancelada.
 
Quem mais lamentou a nova ‘falta’ da Marussia foi o piloto Max Chilton, titular da escuderia nas últimas duas temporadas. O britânico usou o Twitter para expor a tristeza por mais uma tentativa frustrada do time se recuperar financeiramente e ir à pista.
 
“Estou devastado por todos os envolvidos na Marussia nas últimas 24 horas, pois o trabalho duro para tentar correr em Abu Dhabi não correu como esperávamos”, escreveu Chilton no micro-blog.
 
Os problemas financeiros da Marussia atingiram um nível extremamente preocupante desde o início do mês, quando a equipe teve a falência decretada – muito por conta do encerramento do apoio financeiro da russa Marussia Motors, em abril. A equipe já desfalcou o grid em Austin e Interlagos.

Desta forma, o grid de largada no GP de Abu Dhabi contará com 20 carros, já que a Caterham, depois de realizar um 'crowdfunding', conseguiu a saúde financeira necessária para viajar aos Emirados Árabes Unidos.
 
Próxima Fórmula 1 matéria
Rosberg conta com erro de Hamilton e ajuda da Williams para ser campeão

Previous article

Rosberg conta com erro de Hamilton e ajuda da Williams para ser campeão

Next article

'Algoz' de fenômeno, francês guiará pela Lotus no primeiro treino livre

'Algoz' de fenômeno, francês guiará pela Lotus no primeiro treino livre
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor José Edgar de Matos
Tipo de matéria Últimas notícias