Senna vencia primeira na F1 há 31 anos; veja as diferenças

Sob chuva, brasileiro subia ao lugar mais alto do pódio pela primeira vez após colocar mais de um minuto de diferença para segundo colocado

O dia 21 de abril de 1985 ficou na história por duas vias completamente distintas: na sociedade brasileira e no automobilismo. Em São Paulo, morria Tancredo Neves, a personificação da nova fase da democracia brasileira. Ao mesmo tempo, Ayrton Senna, até então um dos mais promissores pilotos brasileiros, vencia sua primeira corrida na F1, no GP de Portugal.

Senna conquistou a vitória sob muita chuva, com diferença de mais de um minuto sobre o italiano da Ferrari, Michele Alboreto, algo inimaginável nos dias de hoje, apesar do domínio recente dos carros da Mercedes. Na oportunidade, o piloto paulistano também havia conseguido sua primeira pole position, outras 64 viriam até 1994. 

Os carros eram substancialmente diferentes dos modelos de 2016 e menos aerodinâmicos. O motor turbo de 1,5 litro chegava a velocidades finais jamais vistas no esporte. O motor da Renault tinha 1.150 cv de potência em um treino de classificação. Já os híbridos V6 de 2016 são criticados publicamente por tirarem da F1 um de seus maiores atrativos, a velocidade. 

A etapa de Portugal teve nada menos do que 26 carros largando, contra os 22 de hoje e 20 em 2015. Apesar de que apenas nove conseguiram completar a prova e somente Alboreto chegou na mesma volta de Senna. Patrick Tambay, terceiro colocado, foi o primeiro a chegar uma volta atrás do brasileiro. 

Vencedor Ayrton Senna com  Patrick Tambay no pódio
Senna comemora vitória ao lado de Patrick Tambay no pódio

Photo by: Renault

A pontuação era, de certa forma, simples. Naquele ano, o vencedor contabilizava "apenas" nove pontos, o segundo seis e do terceiro até o sexto a pontuação decrescia de quatro a um gradativamente. Hoje, quem chega ao lugar mais alto do pódio recebe 25 pontos e o 10° ganha 1. 

Estoril teve sua última prova da F1 em 1996. O circuito também é histórico para outro tricampeão, Niki Lauda, que no ano anterior - na volta do GP de Portugal à F1 - garantia a segunda colocação, atrás de Alain Prost, e assegurou seu terceiro título por apenas meio ponto.

Apesar de ainda estar no início de carreira, esta foi a única vitória de Senna no circuito português.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Ayrton Senna
Tipo de artigo Conteúdo especial