Sexto colocado em Spa, Massa supera Bottas no Mundial de Pilotos

Brasileiro lamenta início abaixo do esperado e diz que poderia ter marcado mais pontos e conquistado vantagem maior sobre companheiro de equipe

Felipe Massa teve duas corridas distintas no GP da Bélgica, realizado neste domingo (23) e vencido por Lewis Hamilton, da Mercedes. Largando mal, o brasileiro caiu de sexto para nono. O primeiro trecho de prova, com os pneus macios, não foi bom para Massa, o que acabou prejudicando o resultado.

Em entrevista à TV Globo logo após a corrida, o piloto da Williams lamentou a má largada e a falta de rendimento com os pneus macios. “Se o pneu (macio) tivesse funcionado, se a largada tivesse sido boa, a corrida poderia ter sido diferente. No começo (da prova) o carro simplesmente não andava bem”, comentou.

Na décima volta, o brasileiro fez o primeiro pit stop e colocou os compostos médios, opção que manteve na segunda parada. O rendimento, segundo ele, melhorou significativamente.

“Quando mudamos para os médios, o carro era outro, muito mais competitivo. Para nós, a corrida começou naquele momento”, afirmou.

Ainda assim, o sexto lugar conquistado em Spa-Francorchamps colocou Massa em quinto no Mundial de Pilotos, com os mesmos 82 pontos de Kimi Räikkönen – e, mais importante, o brasileiro ultrapassou Valtteri Bottas, companheiro de equipe na Williams, que tem agora 79 pontos.

Perguntado sobre o valor do resultado no campeonato, o piloto do time de Grove celebrou, mas ressaltou que poderia ter obtido um resultado melhor, não fosse o começo abaixo do esperado. “Foi importante (para o campeonato), sem dúvida, mas eu poderia ter pontuado mais e ampliado a vantagem (sobre Bottas)”, concluiu.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Bélgica
Pista Spa-Francorchamps
Pilotos Felipe Massa , Valtteri Bottas
Tipo de artigo Últimas notícias