"Sou grato a Verstappen", brinca Hamilton

26,086 visualizações

Quarto na China, atual campeão se aproximou de Vettel no campeonato devido ao incidente entre Verstappen e o alemão

Lewis Hamilton teve na China um dos domingos mais fortes desde sua entrada para a Mercedes. Não esteve no ritmo dos melhores e completou a corrida em quinto, mas acabou em quarto após uma penalização de dez segundos imposta a Max Verstappen depois do incidente com Vettel, que jogou o piloto da Ferrari para o oitavo lugar.

Anteriormente, o piloto da Red Bull tinha sido bastante agressivo também com Hamilton e ficou perto tocar no carro do britânico.

Perguntado pela Sky Sports F1 HD se achou Max muito agressivo em suas disputas na pista, Lewis brincou: "Não, na verdade eu sou grato a Verstappen, sou grato por sua maneira de pilotar".

Uma piada, provavelmente, em referência aos pontos tirados de Vettel, que agora o deixa apenas nove pontos atrás do alemão, apesar do fato de a Mercedes ainda não saber o que é vencer em 2018.

Brincadeiras à parte, Hamilton não fez segredo de que a Mercedes não está atualmente vivendo uma situação fácil, já que na corrida de Xangai nunca conseguiu manter o melhor dos ritmos e não foi fácil até mesmo gerenciar os pneus.

"Não tive ritmo e no sábado também tive problemas, mas na sexta-feira fomos muito competitivos, o carro virou de cabeça para baixo no sábado e não nos recuperamos".

"Eu sofri na corrida, sofri com a gestão dos pneus e até mesmo a largada foi ruim, por isso é algo que definitivamente temos que trabalhar porque está me fazendo perder pontos valiosos neste momento. É um fim de semana para esquecer" concluiu.

Confira os dez momentos mais marcantes do GP da China

 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da China
Pista Shanghai International Circuit
Pilotos Lewis Hamilton , Max Verstappen
Tipo de artigo Últimas notícias