Stewart acredita que mudança de equipe de Hamilton foi arriscada

Segundo o tricampeão mundial, a Mercedes tem que vencer para se manter na Fórmula 1, ao contrário da McLaren, que tem automobilismo na veia

Para o escocês Jackie Stewart, o contrato de longo termo assinado por Lewis Hamilton com a Mercedes foi um risco, pois a equipe é bancada por uma marca que, se não estiver vencendo, pode abandonar a categoria de uma hora para outra e deixá-lo na mão.

"Acho Ross Brawn um homem incrível. Acho a Daimler Benz uma das maiores companhias da história das corridas, mas eles têm que vencer. A Flecha de Prata tem que vencer, pois se não, eles sairão", disse Jackie Stewart à Autosport.

"Esse é o risco. E por esta razão, se não estiverem vencendo, fazem uma reunião de cinco minutos com um bocado de pessoas que não ligam para o automobilismo e saem."

"Por isso falo se você olhar para o lado conservador, você verá que a McLaren sempre irá ficar, pois eles são corredores. Nunca estarão fora do automobilismo."

Stewart ainda comentou sobre a habilidade de Hamilton, que é inegável, mas que ainda falta consistência em sua pilotagem. "Quando ele está em forma, ele é o mais rápido. Mas sua habilidade de ser sempre consistente não está consigo ainda", finalizou.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias