Stewart: Grid girls não têm culpa de falta de mulheres na F1

Tricampeão da F1, escocês desaprova fim das grid girls na categoria e diz que medida é “bobagem”

Após anunciar a retirada das grid girls, a Fórmula 1 vem recebendo diversos comentários de apoio e críticas quanto à medida. Tricampeão mundial nos anos 60 e 70, Jackie Stewart foi um dos que não concordou com a ideia da gerência da categoria.

Para ele, retirar as grid girls não fará com que as mulheres se tornem pilotos mais rápido.

"A ideia de que grid girls têm responsabilidade pelo fato de não termos mulheres pilotos é uma bobagem”, disse Stewart ao Daily Record.

“Se uma equipe puder encontrar uma mulher boa para chegar à Fórmula 1, todos estariam prestando atenção. A Fórmula 1 adoraria ver uma mulher. Se tivéssemos uma mulher, os números de audiência subiriam.”

"Comercialmente, uma piloto feminino seria extremamente boa com marcas de maquiagem, roupas, cosméticos e moda.”

"Por qualquer motivo, as mulheres jovens não têm saído do kart.”

"E isso é o que todos os meninos fazem. Quer seja Lewis Hamilton, Fernando Alonso ou Sebastian Vettel. Estes caras iam de semana a semana em eventos de kart.”

"Uma mulher nunca fez isso e se tornou uma ótima piloto até agora. Você tem que ter em mente que, das centenas de milhares de pilotos de kart no mundo, existem apenas 20 grandes pilotos que chegam à Fórmula 1."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias