Stroll nega que Massa tenha sido mentor em ano de estreia

compartilhar
comentários
Stroll nega que Massa tenha sido mentor em ano de estreia
Jamie Klein
Por: Jamie Klein
3 de fev de 2018 13:21

Piloto canadense diz não entender por que pessoas acreditam que brasileiro tenha sido seu coach em 2017

Lance Stroll, Williams, Felipe Massa, Williams
Felipe Massa, Williams FW40, Lance Stroll, Williams FW40
Lance Stroll, Williams and Felipe Massa, Williams
Robert Kubica, Williams FW40
Robert Kubica, Williams
Lance Stroll and Sergey Sirotkin, Williams

Lance Stroll disse que não irá sentir falta de um piloto com a experiência de Felipe Massa ao seu lado na Williams em 2018, pois revela que jamais recebeu ajuda do brasileiro durante seu último ano na Fórmula 1, em 2017.

Perguntado se sentiria falta de Massa, Stroll disse que ter Felipe a seu lado fez pouca diferença em seu aprendizado.

"Eu não acho que tive orientação dele no ano passado, seja lá o que for", Stroll disse ao Motorsport.com.

"Ele era um companheiro de equipe como qualquer outro. Ele estava ocupado tentando guiar o mais rápido que podia, e eu estava tentando guiar o mais rápido que eu podia. Foi isso. Não havia nada mais do que isso."

Massa havia dito no início da temporada que trabalhar ao lado do novato canadense o lembrou do tempo que teve Michael Schumacher como mentor na Ferrari no início de sua carreira na F1.

Stroll seguiu: "Eu não sei por que as pessoas parecem pensar que ele era um treinador ou um mentor. Não havia isso. Era apenas ele fazendo o seu trabalho e eu fazendo o meu, e quem quer que fizesse o melhor trabalho acabaria na frente.”

"Se o meu companheiro de equipe é alguém com 15 anos de experiência ou alguém de experiência de um ano, minha abordagem não muda."

Perdendo para Sergey Sirotkin o lugar vago na Williams, Robert Kubica assinou como piloto reserva e de desenvolvimento do time de Grove. De acordo com Stroll, o piloto polonês - um veterano de 76 GPs – pode ser um trunfo para a equipe, especialmente após guiar a Renault no ano passado.

"Robert pode ser uma grande ajuda com certeza", disse Stroll. "Felipe foi uma boa ajuda para a equipe no desenvolvimento ante aos novos regulamentos, e Robert definitivamente pode nos ajudar.”

"Ele parece ter uma boa compreensão de quais eram os problemas com o carro (nos testes de Abu Dhabi), recebemos alguns feedbacks da Renault que ele dirigiu na Hungria.”

"Então, foi bom. Acho que podemos usá-lo e integra-lo na equipe para nos ajudar a avançar no grid".

Próxima Fórmula 1 matéria
Domenicali: "Alonso, Hamilton e Vettel estão no topo da F1"

Previous article

Domenicali: "Alonso, Hamilton e Vettel estão no topo da F1"

Next article

Renault quer lutar por vitórias mesmo com 85% da capacidade

Renault quer lutar por vitórias mesmo com 85% da capacidade
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Felipe Massa Shop Now , Lance Stroll Shop Now
Equipes Williams
Autor Jamie Klein
Tipo de matéria Últimas notícias