Sutil vê diferenças por ter ficado um ano fora da F-1

Alemão reconhece que temporada longe das pistas atrapalhou, mas se vê "mais potente" desde que retornou

Depois de enfrentar problemas com a justiça a passar um ano fora das pistas, Adrian Sutil vem fazendo uma boa temporada pela Force India. Mas o alemão é o primeiro a reconhecer que o tempo afastado o prejudicou. Por outro lado, o fato de retornar ao mesmo time que defendeu de 2007 a 2011 foi um ponto positivo.

“Sinto-me bem no carro e conheço a equipe há muito tempo Recuperei o ritmo rapidamente, ainda que ache que tenha perdido um pouco”, admite. “Mas ganhei em potência, então acho que as coisas se equilibraram. Sinto-me melhor do que antes, mas são os outros que têm de dizer isso. Estou gostando do que estou fazendo.”

Dono de 26 pontos no campeonato, o alemão é o 11º colocado, logo atrás do companheiro Paul Di Resta, que faz sua segunda temporada completa. O placar em classificações entre os dois pilotos da Force India é equilibrado e aponta, após 13 etapas, 7 a 6 para o escocês.

Em 2012, Sutil não teve seu contrato renovado após ser condenado a 18 meses de prisão em regime aberto por lesão corporal. Durante uma briga na festa do GP da China, ainda em 2011, o alemão se envolveu em uma briga com Eric Lux, acionista da Lotus.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Adrian Sutil
Tipo de artigo Últimas notícias