Talentoso e polêmico: as rivalidades de Verstappen na F1

Desde que entrou na F1, Max Verstappen esteve em rota de colisão com diferentes personagens. Relembre algumas das controvérsias da carreira do holandês

Toque com Hamilton no GP do Bahrein

Toque com Hamilton no GP do Bahrein
1/18

Nas primeiras voltas em Sakhir, Verstappen tentou uma ultrapassagem agressiva sobre Lewis Hamilton. Os dois acabaram se tocando: o holandês abandonou, e o piloto da Mercedes não ficou nada feliz.

Toque com Hamilton no GP do Bahrein

Toque com Hamilton no GP do Bahrein
2/18

Verstappen garantiu que deixou espaço suficiente para Hamilton, mas o inglês pensou diferente – inclusive, na antessala do pódio, chamou o rival de “imbecil” ao rever a manobra.

Toque com Hamilton no GP do Bahrein

Toque com Hamilton no GP do Bahrein
3/18

Mesmo sem considerar ter feito algo de errado, Verstappen minimizou o ocorrido: “Tinha acabado de sair do carro. Então essas coisas podem acontecer. Se você acaba de sair do carro, ainda está cheio de adrenalina."

Força mental? Besteira...

Força mental? Besteira...
4/18

Antes mesmo de entrar na F1, Verstappen já mandou uma das suas. Sob o olhar do mundo ao entrar na categoria ainda em sua adolescência, o jovem rebateu àqueles que questionavam sua força psicológica. “Não tenho problemas com isso. Eu sou uma pessoa relaxada e nem penso nisso – para ser honesto, acho essa conversa uma besteira.”

Acidente em Mônaco

Acidente em Mônaco
5/18

Durante disputa por posição no GP de Mônaco de 2015, Verstappen calculou mal a freada e acertou em cheio a traseira de Romain Grosjean. Isso provocou algumas críticas dos pilotos rivais: "Aquilo foi bem perigoso. Se ele se machucasse, todo mundo questionaria por que deixaram um garoto de 17 anos correr", disse Massa.

Resposta na lata

Resposta na lata
6/18

Verstappen não baixou o tom para responder a Massa. "Todos podem ter sua opinião, mas eu não fiz nada de errado. Talvez ele deveria olhar a corrida do ano passado e ver o que aconteceu por lá”, disse, referindo-se à batida de Massa na traseira de Sergio Pérez no GP do Canadá de 2014.

Polêmica das freadas

Polêmica das freadas
7/18

Andando no pelotão da frente, Vertsappen não se deixou intimidar pelos principais nomes da F1. O jovem piloto apresentava tocada agressiva, o que provocou críticas dos rivais pela forma com que ele alternava sua trajetória nas freadas. Isso aconteceu com Kimi Raikkonen na Hungria...

Polêmica das freadas

Polêmica das freadas
8/18

... e na Bélgica. Raikkonen não deixou barato: "Talvez ele precise de um grande acidente para aprender, mas tomara que não aconteça, e tomara que ninguém se machuque".

Toques e mais toques

Toques e mais toques
9/18

O GP da Bélgica também viu Verstappen se envolver em um acidente com os pilotos da Ferrari na primeira curva. Tanto Sebastian Vettel quanto Raikkonen consideraram o holandês culpado.

Peitando os campeões

Peitando os campeões
10/18

Novamente a resposta de Verstappen foi forte. "Ele [Raikkonen] deveria ter vergonha de causar uma batida daquelas, com toda a experiência que tem, e depois vir reclamar de mim", disse, acrescentando com uma brincadeira. “Talvez eu pague um sorvete a ele para que tomemos juntos. Acho que ele gosta, e eu também.”

Resposta pesada

Resposta pesada
11/18

Mas talvez a declaração mais forte de Verstappen envolveu um campeão das antigas da F1. Jacques Villeneuve, que triunfou em 1997, afirmou que a tocada excessivamente agressiva do holandês "poderia matar alguém na pista".

Resposta pesada

Resposta pesada
12/18

Verstappen não deixou barato: "Ele precisa tomar cuidado com o que fala, porque ele mesmo já matou alguém." O holandês se referiu ao acidente envolvendo Villeneuve no GP da Austrália de 2001, que provocou a morte de um fiscal de pista.

Confusão com Vettel

Confusão com Vettel
13/18

No GP do México de 2016, Verstappen recebeu duras críticas de Vettel, que o acusou de descumprir uma punição para segurá-lo propositalmente e, assim, deixá-lo vulnerável aos ataques de Daniel Ricciardo (parceiro do holandês). Verstappen acabou punido na antessala do pódio.

Confusão com Vettel

Confusão com Vettel
14/18

Verstappen rebateu: “O que aconteceu foi ridículo. Ele [Vettel] começou a gritar pelo rádio, e não sei quantas vezes ele já usou palavras feias para reclamar. Acho que ele precisa voltar à escola para aprender maneiras. Ele está sempre tão frustrado... Ele é um cara muito frustrado.”

Confusão com Vettel

Confusão com Vettel
15/18

Na ocasião, Verstappen também criticou a pilotagem de Vettel, que acabou punido justamente por mudar sua trajetória na freada em briga com Ricciardo. “Pelo menos eu sei fazer isso direito, e ele não sabe. O que ele fez foi ridículo. Daniel já estava emparelhado e ele [Vettel] o fechou."

A brincadeira infeliz no GP do Bahrein

A brincadeira infeliz no GP do Bahrein
16/18

Um ano ano antes de se estranhar com Hamilton, Verstappen reclamou de ter sido atrapalhado por Felipe Massa durante o treino classificatório. O holandês afirmou que o brasileiro "arruinou sua volta" por uma manobra ainda no fim do giro de aquecimento.

Photo by: LAT Images

A brincadeira infeliz no GP do Bahrein

A brincadeira infeliz no GP do Bahrein
17/18

Ao comentar o ocorrido, Verstappen pediu respeito a Massa e fez uma piada infeliz. Questionado se falaria com Massa para esclarecer qualquer mal-entendido, disse: "Bom, ele é brasileiro, então não há muito o que dizer."

Photo by: LAT Images

A brincadeira infeliz no GP do Bahrein

A brincadeira infeliz no GP do Bahrein
18/18

Massa não gostou nada do comentário de Verstappen. O brasileiro afirmou que sequer atrapalhou a volta do holandês e, sobre a piada, o alertou: "Tome cuidado com o que você fala porque você vai ter que ir para o Brasil correr lá. Cuidado com o que você fala." Verstappen posteriormente se desculpou.

Photo by: LAT Images
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Max Verstappen
Tipo de artigo Conteúdo especial