Temperatura pode fazer corrida ser sensacional, diz Hamilton

Grande Prêmio da Europa tem a estimativa de ser um dos mais quentes que os pilotos enfrentarão durante a temporada 2012

Calor deve ser um problema

As altas temperaturas esperadas para a corrida deste fim de semana, em Valência, Espanha, para o GP da Europa, podem ser um complicante para os pilotos McLaren.

Lewis Hamilton, o líder o campeonato, disse que ainda tem que entender como os pneus irão funcionar para traçar uma estratégia, mas sabe que será uma corrida complicada por causa da temperatura.

"Vamos tentar entender como os pneus funcionarão para fazer um ou dois pits-stops", disse Lewis. "Ultrapassar aqui em Valência não é tão ruim, mas acredito que largar a frente definitivamente será muito importante principalmente porque esse fim de semana será um dos mais desafiantes da temporada por causa da temperatura", revelou.

Seu companheiro de equipe Jenson Button também seguiu a mesma lógica do compatriota, alegando ainda que não é só o piloto que sente o calor, mas sim o carro, os pneus e todos os periféricos relacionados.

Mal nas últimas corridas, o inglês quer dar a volta por cima nesta corrida.

"Cada piloto quer vencer o maior número de corrida que puder na temporada, e isso não é diferente comigo. O bom é que, se eu tiver um problema, tenha uma grande equipe por trás me apoiando", disse Button, que emendou: "Estou positivo que possamos ter um bom fim de semana. Será muito quente e difícil para todos. Não só somos nós que sentimos o calor, mas sim o motor, os freio, os pneus, por isso temos que aprender a lidar com isso o máximo que pudermos na sexta-feira.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Europa
Pilotos Jenson Button , Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias