Todt se diz feliz com retorno de GP da França

Presidente da FIA afirma que circuito tem totais condições de receber prova da Fórmula 1 em 2018

Ex-diretor da Ferrari e atual presidente da FIA, Jean Todt, não compareceu à coletiva de imprensa realizada nesta segunda-feira na sede do Automóvel Clube de França, mas enviou uma mensagem em vídeo na qual expressou sua alegria com o retorno GP de Fórmula 1 no país.

"Eu gostaria de parabenizar região administrativa de Provença-Alpes-Costa Azul (PACA), e outras autoridades envolvidas neste projeto para chegar a um acordo com a Fórmula 1. Ver a França de volta à Fórmula 1 em 2018 é uma grande satisfação para a FIA. A história do automobilismo nasceu em nosso país com a organização do primeiro GP em 1906. Algumas das competições são parte de nossa herança, o GP da França é uma delas."

"Como presidente desta organização, devo manter uma certa neutralidade, mas confesso que estou muito feliz de ver o calendário com uma data para a França. O campeonato mundial de Fórmula 1 é uma competição de prestígio."

"Este circuito maravilhoso de Le Castellet tem visto grandes corridas desde 1980. Seu sonho se realiza agora. Le Castellet foi modernizado e tem todas as qualidades para receber a corrida", disse o presidente da FIA.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias