Toro Rosso busca patrocínio para rebatizar motor Renault

Seguindo exemplo da Red Bull, time de Faenza revela que está conversando com anunciantes que possam rebatizar seu motor

A Toro Rosso usará motores Renault novamente em 2017 depois de ter passado 2016 utilizando as unidades de potência de 2015 da Ferrari. E para o ano que vem, o time quer seguir o exemplo da Red Bull, que neste ano rebatizou seus motores com o nome da empresa de relógios Tag Heuer.

O chefe da equipe, Franz Tost, revelou que o time de Faenza está indo atrás de possíveis anunciantes.

"Temos a possibilidade de encontrar um patrocinador para rebatizar o nosso motor de 2017, como Red Bull fez no ano passado", disse Tost à Gazzetta dello Sport.

"Estamos em conversas com um patrocinador", acrescentou.

Tost também disse que o novo carro, o STR12, já passou nos testes de colisão e que fará sua estreia na pista durante um dia de filmagem no circuito de Barcelona, antes do início dos testes propriamente.

"Estamos respeitando o roteiro", acrescentou.

"Fizemos testes de colisão e faremos um dia de filmagem com o novo carro antes do início do teste de inverno em Barcelona."

Reportagem adicional Giacomo Rauli

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Equipes Toro Rosso
Tipo de artigo Últimas notícias