Tricampeão critica Raikkonen por batida: "Desnecessário"

Niki Lauda também não gostou da demora dos fiscais de pista para reparar guard rail danificado por acidente

O tricampeão da Fórmula 1, Niki Lauda, criticou a pilotagem de Kimi Raikkonen no acidente provocado pelo finlandês na primeira volta do GP da Grã-Bretanha. O piloto perdeu o controle de sua Ferrari ao voltar à pista depois de uma escapada e bateu forte, causando a paralização da corrida por cerca de uma hora.

[publicidade]Lauda defende que Raikkonen errou ao voltar à pista acelerando. “Uma crítica que tenho é que Kimi cometeu um erro. Ele escapou, então por que volta com o pé embaixo e bate? Tomara que não tenha acontecido nada com ele, mas foi desnecessário.”

O austríaco também reclamou da demora para consertar o guard rail danificado pela batida, o que causou a paralização tão demorada. “Por que levou uma hora para arrumar o guard rail? Deveria haver uma solução mais rápida, como colocar alguns pneus na frente. Há outras maneiras de fazer isso”.

Para o ex-piloto, que correu na Fórmula 1 nas décadas de 70 e 80, este é mais um exemplo do que ele considera um cuidado excessivo. “Os atrasos que temos hoje, cuidando dos caras, não podendo cruzar a linha branca, está tudo errado e deveria acabar. Conversei com o Bernie Ecclestone e ele concorda. Temos de voltar a ter corridas normais.”
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias