Um ano após acidente, Schumacher enfrenta 'dura luta' pela vida

Assessora do piloto falou à 'Agência Reuters' sobre o estado de saúde do piloto; acidente completará um ano nesta segunda

Schumacher segue o tratamento em casa,na Alemanha
Dia 29 de dezembro completa-se um ano do grave acidente sofrido pelo heptacampeão Michael Schumacher. Poucas informações sobre o estado de saúde do ex-piloto da Fórmula 1 foram divulgdas neste período, e fãs do automobilismo convivem com as incertezas sobre o caso.
 
[publicidade]Às vésperas do primeiro ano após o ocorrido nos Alpes franceses, a assessora do heptacampeão, Sabine Kehm, falou rapidamente com a 'Agência Reuters' sobre o assunto: pediu paciência e externou até certa evolução no quadro de Schumacher.
 
"Precisamos de um longo tempo. Será um longo tempo e uma dura luta", limitou-se a dizer a assessora de Schumacher.
 
"Ele está fazendo um progresso adequado à gravidade de sua situação", garantiu Sabine Kehm.
 
Schumacher segue em recuperação após grave acidente sofrido enquanto esquiava nos Alpes Franceses. O ex-piloto bateu a cabeça e sofreu graves lesões, as quais o deixaram seis meses internado no Centro Hospitalar Universitário de Grénoble, na França.
 
Em junho, o alemão acabou transferido para o Hospital Universitário do Cantão de Vaud, na Suíça, local no qual permaneceu até setembro.
 
Desde o nono mês deste ano, Schumacher se encontra em casa, na Alemanha. As poucas informações divulgadas retratam uma melhora gradativa no quadro do heptacampeão mundial de Fórmula 1.
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias