União Europeia investiga ajuda financeira a Nurburgring

Agentes reguladores desconfiam que por trás do empréstimo da Renânia-Palatinado possam haver outros interesses

Os reguladores da União Europeia investigam se a ajuda financeira dada pelo estado da Renânia - Platinado ao circuito de Nurburgring foi regular. O auxílio ao autódromo alemão está estimado em  R$ 745 milhões. 

Após a doação do dinheiro, os chefes do circuito disseram que um retorno ao calendário da Fórmula 1 era possível. Até então, eles estavam em processo de insolvência e falência, 

Representantes da Comissão Europeia afirmaram que vão analisar "as medidas financeiras que foram tomadas para evitar a falência imediata".  Em comunicado oficial, um agente regulador da UE informou que "tem dúvidas de que as medidas foram concedidas em condições normais de mercado e se as empresas são viáveis sem o contínuo apoio estatal".

Além do automobilismo, a pista é importante para montadoras. Muitas vezes, ela é usada para testes de potências mundiais, como BMW e Toyota.

As informações são da agência Reuters.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias