Valência pretende quebrar contrato com a Fórmula 1, segundo jornal

compartilhar
comentários
Valência pretende quebrar contrato com a Fórmula 1, segundo jornal
Por: Gabriel Lima
13 de ago de 2013 16:09

Circuito espanhol que sediou corrida de 2008 a 2012 poderia revezar com Barcelona a partir do ano que vem

Sede do GP da Europa de 2008 a 2012, o GP de Valência corre o risco de não mais voltar a ser realizado. Segundo a mídia espanhola, os administradores da prova na comunidade valenciana estão em conversas com a FOM para quebrar o contrato de realização da corrida.

A cidade poderia a partir do ano que vem revezar com o circuito da Catalunha como sede oficial do GP da Espanha à exemplo do que acontece com Hockenheim e Nürburgring no calendário desde 2007.

Porém, a publicação El Mundo disse que este acordo jamais foi assinado entre as partes e a F-1. Na verdade, segundo o Diario Sport, a única conversa dos promotores da corrida valenciana com a FOM foi para quebrar o contrato. Bernie Ecclestone teria, inclusive, pedido uma taxa de 33 milhões de dólares de para retirar da prova, divida que estaria sendo negociada com os promotores.

A crise econômica que assola a Espanha nos últimos tempos teria sido a maior culpada pela falta de interesse do governo valenciano em dar sequência a realização da corrida.

Próxima Fórmula 1 matéria
Sebastian Vettel faz seu Top 10 de carros históricos da F-1

Previous article

Sebastian Vettel faz seu Top 10 de carros históricos da F-1

Next article

Equipe pequena sofre menos que média para sobreviver, diz Booth ao TotalRace

Equipe pequena sofre menos que média para sobreviver, diz Booth ao TotalRace
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Gabriel Lima
Tipo de matéria Últimas notícias