Valtteri Bottas vê Williams no mesmo nível do ano passado

Finlandês salienta que time ficou estacionado, enquanto rivais evoluíram, e faz avaliação de seus primeiros 10 GPs

A Williams pode estar vivendo a pior temporada de sua história, com apenas um ponto marcado em dez etapas, mas Valtteri Bottas defende que o carro deste ano não é equivocado. Ele só não se desenvolveu tanto quanto os demais.

O finlandês, que teve grande experiência às sextas-feiras com o carro que chegou a vencer uma corrida ano passado e com o qual o time tinha 48 pontos nessa mesma fase do campeonato, não vê grandes diferenças entre os modelos.

“O carro às vezes é difícil de guiar, um pouco imprevisível. Mas acho que estamos mais ou menos no nível do ano passado, talvez um pouco melhor. O problema é que todo mundo melhorou muito e nós, não.”

Mesmo não podendo lutar pelos pontos que gostaria, o finlandês faz uma boa avaliação destas duas primeiras dez provas. Antes de abandonar o GP da Hungria com problemas mecânicos, o piloto havia completado todas as etapas.

“Acho que, sem olhar para a performance do carro, se me analisar, posso ficar razoavelmente feliz com a primeira metade porque ainda é minha primeira temporada. Tenho andado próximo de Pastor, mais ou menos. Ele é uma boa referência para mim porque todos sabem que ele é rápido e venceu uma corrida. Mas sempre há coisas que você gostaria de ter feito melhor.”

Falando sobre seu país, que acabou de chegar à marca de 150 pódios na história da Fórmula 1 com o segundo lugar de Kimi Raikkonen em Budapeste, Bottas acredita que uma combinação de categorias de base e temperamento explica o sucesso.

“É um país de automobilismo, acho que o kartismo é muito bom lá. É o que eu lembro, o campeonato de kart era muito forte. Talvez nossa mentalidade também ajude, pois em geral somos muito calmos, então acho que isso é bom para a pressão da Fórmula 1.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Valtteri Bottas
Tipo de artigo Últimas notícias