Vergne: "Acho que Sergio Pérez bateu porque quis"

compartilhar
comentários
Vergne:
Por: Gabriel Lima
29 de mai de 2013 14:37

Piloto da Toro Rosso culpa mexicano por acidente com Räikkönen no fim da prova e busca não comemorar azares de outros

A homenagem a Cevert deu sorte a Vergne, que conseguiu seu melhor resultado no ano

Jean-Éric Vergne conseguiu em Mônaco sua segunda classificação entre os 10 primeiros nesta temporada. O francês estava sendo ofuscado por Daniel Ricciardo nas últimas provas, mas neste fim de semana foi bem e acabou no oitavo posto.

“Estou feliz que consegui [pontuar]. A oitava posição é ótima em Mônaco”, falou feliz o piloto francês.

Pelos azares e abandonos recentes, "JEV" também procurou não ver com bons olhos os infortúnios de seus concorrentes próximos que lhe deram a oportunidade de chagar tão à frente. “Ok, testemunhei um acidente à minha frente, mas esse tipo de coisa acontece em Mônaco. Para ser sincero, tento não me sentir bem quando coisas ruins acontecem com pilotos à minha frente, pois aconteceu comigo bem recentemente.”

Sem perder a oportunidade, Vergne deu sua opinião sobre o acidente envolvendo Pérez e Kimi Räikkönen no fim da corrida. “Se pudesse comentar, diria que Sergio Pérez não teve nenhum azar. Acho que ele bateu porque quis. Se houve algum azar, foi de Daniel [Ricciardo] quando Romain [Grosjean] bateu nele”, finalizou.

Próxima Fórmula 1 matéria
Pilotagem de Adrian Sutil leva Destaque TotalRace do GP de Mônaco

Previous article

Pilotagem de Adrian Sutil leva Destaque TotalRace do GP de Mônaco

Next article

Sauber acusa Bottas de atitude antidesportiva em Mônaco

Sauber acusa Bottas de atitude antidesportiva em Mônaco
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Sergio Perez Shop Now
Autor Gabriel Lima
Tipo de matéria Últimas notícias