Vergne culpa Renault por poucas voltas no teste do Bahrein

Piloto da Toro Rosso diz ainda ter fé em reverter situação mostrada na semana passada, mas lamenta tempo perdido

Depois de ter dado mais voltas que apenas três times (Red Bull, Lotus e Marussia) no teste do Bahrein na semana passada, a Toro Rosso mira em obter maior quilometragem nesta semana no circuito de Sakhir.

Falando ao site Crash.net, o francês Jean-Éric Vergne culpa a Renault pelo pouco tempo gasto na pista até agora.

"Sim [eles estão nos segurando]. Às vezes é o motor e, por vezes, somos nós mesmos. Mas o problema é quando você fica na garagem por tempo demais. Você só vê os problemas em um carro novo quando você dirige, então isso é um problema."

Mas Vergne ainda está certo de que verá progresso da Renault ao lado da Toro Rosso. Para ele, isso pode significar uma recuperação rápida.

"Eu não vou falar negativamente porque todo mundo sabe disso, então eu não preciso dizer mais nada. Eu sou positivo. Nós ainda temos grandes problemas e eles foram capazes de corrigir alguns deles. Eu sei que isso vai levar tempo, eu sabia chegando aqui que nada teria sido consertado de maneira imediata.”

"Tenho grande fé nas pessoas que trabalham na equipe e também nas pessoas da Renault. Todos sabem quais são os problemas e estou confiante de que podemos fazer algo sobre isso."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias