Verstappen admite erro e quer ter sorte em corrida

compartilhar
comentários
Verstappen admite erro e quer ter sorte em corrida
26 de mai de 2018 17:47

Holandês despista sobre bronca de cúpula da Red Bull após se envolver em acidente que o tirou da classificação para GP de Mônaco

The car of Max Verstappen, Red Bull Racing RB14 in the garage during Qualifying
The car of Max Verstappen, Red Bull Racing RB14 in the garage during Qualifying
Max Verstappen, Red Bull Racing RB14
Max Verstappen, Red Bull Racing RB14
Max Verstappen, Red Bull Racing RB14 hits the barrier and crashes
Pole sitter Daniel Ricciardo, Red Bull Racing celebrates in parc ferme

Max Verstappen bateu durante o terceiro treino livre para o GP de Mônaco, o que o impossibilitou de participar do classificatório mais tarde.

Ao final da sessão, o piloto holandês explicou o que houve durante a sessão.

“Eu cortei a barreira interna, fiquei surpreso com um carro lento, mas isso não é uma desculpa, e bati no muro.”

São seis corridas consecutivas que Max se envolve em algum incidente, fato esse que o piloto da Red Bull contesta e minimiza.

"Eu não chamaria sobre o que houve em Barcelona de incidente. Acho que hoje e na China foram erros meus. Então, é claro que não é o que você gostaria que acontecesse, mas infelizmente isso acontece.”

Verstappen não será o primeiro piloto de ponta a começar em último em Mônaco. Fernando Alonso chegou a terminar em sexto em situação parecida. Ele ainda não sabe qual será a estratégia, mas quer contar com a sorte. 

“Acho que em geral todo ano é um pouco diferente, só precisamos verificar com quais pneus vamos correr. Você precisa de um pouco de sorte também durante a corrida.”

"Foi apenas um erro e você paga o preço, mas é claro que em Mônaco é um pouco maior do que nas pistas normais, onde você pode começar em último e ainda ir para a frente. É claro que aqui em Mônaco é um pouco mais difícil de passar.”

Após a classificação, o chefe da Red Bull, Christian Horner disse que Verstappen precisa parar de cometer erros. Perguntado se ele ou Helmut Marko, consultor da equipe, conversaram com ele, Verstappen despistou.

“Quero dizer que o time sempre comigo, nos bons ou nos maus momentos. No ano passado, com muitos problemas no motor e coisas do tipo, eu era exatamente o mesmo. Então, nós apenas trabalhamos em equipe, você ganha e perde juntos.”

Relatos por Adam Cooper

Próxima Fórmula 1 matéria

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP de Mônaco
Sub-evento Sábado - Treino Classificatório
Localização Monte Carlo circuito de rua
Pilotos Max Verstappen
Tipo de matéria Últimas notícias