Verstappen escapa de punição por incidente com Bottas

Piloto da Mercedes acusou holandês de tê-lo atrapalhado em sua volta rápida durante Q3 para GP do México

Valtteri Bottas afirmou que foi atrapalhado por Max Verstappen na aproximação para curva 13 em sua primeira volta rápida no Q3, e trancado na entrada da curva pelo carro da Red Bull.

Ele abandonou a volta e posteriormente sugeriu que Verstappen deveria ser penalizado por "arruinar" seu esforço.

No entanto, depois que os comissários investigaram o incidente e o piloto holandês, decidiram não tomar qualquer ação.

A declaração dizia: "Os comissários examinaram vários ângulos de imagens de vídeo e chamadas de rádio para o carro #33 e ouviram Max Verstappen, Valtteri Bottas e os representantes das equipes”.

"O piloto do carro #33 foi claramente avisado pelo rádio da equipe e usou seus espelhos para ver que o carro #77 estava se aproximando em uma volta rápida”.

"Ele mudou da linha de corrida na saída da curva 12 para evitar atrapalha o carro #77”.

"O piloto do carro #33 avançou lentamente para linha de corrida, o que poderia ter afetado o carro #77, mas os comissários não consideram isso prejudicial".

Verstappen manterá o segundo lugar no grid do GP mexicano, tendo perdido a pole para Sebastian Vettel nos segundos finais da qualificação, enquanto o próprio Bottas começará em quarto lugar.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do México
Pista Autodromo Hermanos Rodriguez
Pilotos Max Verstappen
Equipes Red Bull Racing
Tipo de artigo Últimas notícias