Verstappen ganha processo contra supermercado

Rede de supermercados holandesa utilizou imagem do piloto sem seu consentimento em peça publicitária

Max Verstappen venceu no tribunal holandês um processo que abriu contra uma rede de supermercados que usou uma pessoa caracterizada como o piloto da Red Bull em um comercial.

No ano passado, a Picnic, uma rede de supermercados na Holanda, transmitiu um vídeo em sua conta no Facebook onde havia uma pessoa que fingia ser Max Verstappen sem o consentimento do piloto. O vídeo foi uma adaptação de um anúncio que Verstappen fez para a Jumbo, uma de suas principais patrocinadoras.

A empresa disse que o vídeo foi feito sem intuito comercial. Verstappen não concordou e o caso chegou rapidamente aos tribunais de Amsterdã, onde finalmente nesta semana foi determinado que o supermercado havia violado os direitos de imagem do holandês.

Ainda não se sabe se a empresa irá apelar da decisão do tribunal, que somente em outubro indicará o dinheiro a ser recebido por Verstappen ao vencer o caso. O holandês solicitou uma compensação de 350 mil euros.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Max Verstappen
Tipo de artigo Últimas notícias