Vettel agradece a sorte por vitória na Austrália

Alemão afirmou que já estava se conformando com terceiro lugar quando teve a oportunidade de assumir a liderança após o safety car

Sebastian Vettel admitiu que teve a ajuda da sorte para conquistar a vitória no GP da Austrália, a abertura da temporada de 2018 da F1.

O alemão largou em terceiro e vinha na mesma posição durante a primeira fase da corrida. Os dois rivais à sua frente, Lewis Hamilton e Kimi Raikkonen, fizeram seus pitstops antes, e Vettel assumiu a ponta provisoriamente.

Contudo, a corrida mudou quando ambos os carros da Haas abandonaram – principalmente Romain Grosjean, que estacionou em posição que exigia a intervenção de um trator.

Assim, Vettel conseguiu fazer seu pitstop e ainda assim voltar à frente, o que possibilitou sua vitória.

Em entrevista após a prova, Vettel admitiu a surpresa: “Foi muito bom. Tivemos sorte com o safety car. Eu realmente gostei”, disse.

“Eu esperava que minha largada fosse melhor, mas não deu certo. Então, me conformei com o terceiro lugar. No fim do primeiro trecho da prova, perdi contato com Lewis e Kimi, estava sofrendo com os pneus e me senti melhor com os pneus macios.”

“Eu estava rezando por um safety car. Vi um carro parado na Curva 4 e aí vi uma Haas na Curva 2, e fiquei cheio de adrenalina. Lewis manteve a pressão, mas, no fim, pude aproveitar mais.”

Apesar do resultado, Vettel também reconheceu que a Ferrari não apresentou a performance necessária. “Obviamente fomos um pouco sortudos. Lewis teve uma ótima volta ontem [sábado], mas aceitamos. Não estamos onde queremos estar e ainda não cheguei lá com o carro, mas acho que isso nos dá um bom começo e uma motivação para as próximas semanas.”

Veja os destaques do GP da Austrália

 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Austrália
Pista Melbourne Grand Prix Circuit
Tipo de artigo Últimas notícias