Vettel brinca sobre Ricciardo na Ferrari: “É um bom garoto”

Líder do campeonato também falou sobre desempenho de Lewis Hamilton na temporada e da própria Ferrari

Um dos assuntos mais palpitantes da F1 nas ultimas semanas é o destino de Daniel Ricciardo, com rumores – negados hoje pelo piloto da Red Bull – de que ele poderia se transferir para a Ferrari, no lugar de Kimi Raikkonen para 2019.

A nova dupla na escuderia italiana repetiria a da Red Bull em 2014, quando o australiano foi o terceiro colocado no campeonato, com 238 pontos, contra 167 de Vettel, que foi apenas o quinto, vindo de um tetracampeonato seguido.

Quando perguntado nesta quinta-feira sobre a possibilidade de Ricciardo voltar a ser seu companheiro de equipe, Vettel falou: “Tudo o que ele precisa fazer é assinar um papel. Eu não posso ajudá-lo a assinar esse papel.”

“Eu não me importo. Nós trabalhamos juntos um ano no passado, que foi um ano ruim para mim. Eu o conheço há muito tempo, ele é um bom garoto. Obviamente, ele fez uma boa corrida na China, é bom que as pessoas vejam.

Mas falando sobre o ano de 2018, o grande rival de Vettel, Lewis Hamilton, não venceu ainda no campeonato e, apesar da vice-liderança, vem amargando resultados impensáveis há até pouco tempo, 2º, 3º e 4º lugares. Mesmo caindo, o alemão ressaltou o desempenho do inglês.

“Não tivemos tantas corridas ainda, mas acho que tem sido como sempre”, disse Vettel. “Ele está fazendo um ótimo trabalho. Obviamente, a Austrália foi o seu fim de semana e acabou um pouco diferente. Bahrein foi nosso. Na China não tenho certeza de quem era. Com o Safety Car tudo se misturou e os dois Red Bulls tiveram um pneu melhor no final.”

“Não sei que resposta posso dar a você sobre Lewis. Não vejo um cara mais perto do que os outros. Acho que ele está fazendo um bom trabalho, caso contrário ele não seria tão bem sucedido como foi no ano passado.

E minimizou a vantagem da Ferrari no campeonato.

“Se você vai com a estatística sim, mas acho que está tudo muito próximo. Depende de muitas coisas: condições, pneus, pista. A resposta honesta é que temos três carros que combinam. Quem faz o melhor trabalho, trazendo todas essas coisas e detalhes juntos, está na frente.”

Confira os números do GP do Azerbaijão

 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Azerbaijão
Pista Baku City Circuit
Pilotos Sebastian Vettel
Tipo de artigo Últimas notícias