Vettel: “Eu não me desculpei por vencer após o GP da Malásia”

compartilhar
comentários
Vettel: “Eu não me desculpei por vencer após o GP da Malásia”
Por: Gabriel Lima
10 de abr de 2013 14:49

Alemão diz que ama correr e faz isso para ganhar, no entanto confessa que errou ao se colocar acima dos interesses do time

Vettel tenta investida em Webber na Malásia

Após a grande polêmica no GP da Malásia, quando, após desrespeitar ordens expressas do box da Red Bull para não passar o companheiro Mark Webber após os últimos pits stops, Sebastian Vettel ganhou a prova, o alemão comentou hoje em Xangai seu pedido de desculpas público na coletiva após a corrida em Sepang, há pouco mais de duas semanas.

“Não me desculpei por vencer”, falou. “Acho que é por isso que as pessoas me empregam em primeiro lugar, e por que estou aqui. Eu amo correr e isso é o que eu faço.”

“Na Malásia ficamos surpresos em estarmos no topo. Durante a corrida inteira trabalhamos bem com os pneus. Isso as pessoas esquecem.”

Após sofrer na corrida da Austrália, a equipe tinha uma sólida dobradinha em Sepang após as primeiras voltas corridas em pista molhada. A equipe mandou que não disputassem as posições e apenas trouxessem seus carros para a bandeirada. Mas Vettel tentou passar Webber, ato que seu chefe, Christian Horner, chegou a chamar de “bobo” durante a prova.

O alemão explicou: “Me desculpei por me colocar acima do time, o que eu não deveria fazer. Não há muito mais para dizer”.

Próxima Fórmula 1 matéria
Emerson Fittipaldi conta como derrotou “o carro mais largo da F-1”

Previous article

Emerson Fittipaldi conta como derrotou “o carro mais largo da F-1”

Next article

Mark Blundell será comissário convidado da FIA no GP da China

Mark Blundell será comissário convidado da FIA no GP da China
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Sebastian Vettel Shop Now
Autor Gabriel Lima
Tipo de matéria Últimas notícias