"Vettel recuperou seu mojo", acredita o chefe da Red Bull

Christian Horner se animou com performance do alemão e vê o RB10 se aproximando das Mercedes

Para alguns, o GP da Espanha marcou uma nova lavada da Mercedes. Mas para o chefe da Red Bull, Christian Horner, a prova mostrou que a equipe diminuiu a distância para os rivais – e Sebastian Vettel está de volta.

Depois de ter dificuldades para se adaptar ao RB10 nas primeiras etapas, o alemão trocou de chassi para a corrida de Barcelona. E, mesmo tendo problemas nos treinos livres e na classificação, com uma quebra de câmbio que o relegou à 15ª posição no grid, o tetracampeão se recuperou em grande estilo e terminou em quarto.

“Foi uma grande performance de Seb, ele realmente foi para cima. Ele passou em tudo quanto é lugar, tirando o lugar comum, na reta. Ele fez a estratégia funcionar para ele, sabia que tinha de ultrapassar. Vendo a recuperação que ele teve, com a volta mais rápida, a maneira como ele caçou as Ferrari, parece que ele recuperou o seu mojo”, acredita Horner.

O ritmo de Daniel Ricciardo, terceiro colocado, também animou o chefe, que vê a Red Bull como a segunda força de maneira destacada. E defende que a diferença para a Mercedes é menor do que os 48s que separaram o australiano do vencedor, Lewis Hamilton.

“É muito encorajador ter uma corrida positive hoje. A diferença de 48s é um pouco artificial porque perdemos muito tempo atrás da Williams no primeiro stint, e no final não podíamos mais ser atacados, então administramos o ritmo. Definitivamente nos aproximamos um pouco. É uma diferença ainda significativa, mas demos um passo adiante da Ferrari e do resto do pelotão.”
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias