Vettel surpreende Mercedes vence fantástico GP da Malásia

Alemão aposta em estratégia alternativa após Safety Car no início e supera Lewis Hamilton e Nico Rosberg

Parecia improvável, mas aconteceu. Sebastian Vettel deu a primeira vitória para a Ferrari desde o GP da Espanha de 2013 nesta madrugada em Sepang. O piloto se usou de um Safety Car provocado por Marcus Ericsson no início da corrida e não parou, destoando do resto do grid e das duas Mercedes. Com ele na pista ficaram as Force Indias, Sainz e Grosjean.

[publicidade]Estes foram os carros responsáveis por segurar Hamilton, que havia saído em sexto, e dar a Sebastian um espaço de por volta de dez segundos. A partir daí, nem o ritmo mais rápido da Mercedes foi capaz de tirar a vitória da Ferrari, que também tinha bom ritmo de corrida. Foi a 40ª vitória do alemão.

Hamilton ficou em segundo, com Rosberg em terceiro. Kimi Raikkonen, após ter um pneu furado por Nasr na primeira volta, fez corrida primorosa para chegar em quarto.

O brasileiro Felipe Massa fez uma corrida sólida em Sepang. Com o carro aquém de Mercedes e Ferrari, o piloto ganhou a posição das Red Bulls e foi o sexto colocado, não conseguindo segurar o parceiro Bottas no fim da corrida. O finlandês foi o quinto colocado.

Felipe Nasr não conseguiu bom ritmo durante toda a prova. Ele quebrou um pedaço de sua asa dianteira na primeira volta e teve de ir aos pits após bater em Raikkonen. A partir daí apenas fez figuração na corrida, e foi o 12º.

Na partida, Hamilton manteve o primeiro lugar com Vettel conseguindo resistir aos ataques de Nico Rosberg. Ricciardo teve de trabalhar para segurar Massa, que foi de sétimo para quinto. Kvyat era o sexto. Ainda na primeira curva, Maldonado teve seu pneu furado pelo finlandês Valtteri Bottas. No encerramento da volta, Nasr se tocou com Kimi. A Ferrari teve o pneu furado e Felipe também teve de ir ao box para trocar sua asa.

Na volta quatro, Marcus Ericsson, oitavo, errou na primeira curva e acabou rodando, trazendo o Safety Car. Isso desencadeou as primeiras paradas da prova. Entre os primeiros, as Mercedes, Red Bulls e Massa entraram para suas paradas. Quem não foi para os pits foi Sebastian Vettel, que passou a liderar a prova.

Na relargada, Vettel era o 1º, com Hulk, Grosjean, Sainz, Pérez, Hamilton, Ricciardo, Massa, Rosberg, Kvyat e Verstappen.

Todos passaram rapidamente o mexicano Pérez. Na volta 11, Hamilton já era o segundo, a menos de 10s de Vettel. O Top 10 na volta 12 era Vettel, Hamilton, Hulkenberg, Grosjean, Sainz, Rosberg, Ricciardo, Massa, Bottas e Verstappen. Em seguida, Rosberg assumiu o terceiro lugar e Massa passou Ricciardo.

O australiano acabou perdendo posições para Verstappen e Kvyat, antes de parar mais uma vez. Vettel também parou logo em seguida. O alemão voltou em terceiro atrás da Mercedes, mas, com pneus médios virava 2.6smais rápido por volta.

Ele passou Rosberg em quatro voltas, e foi para cima de Hamilton. Ambos estavam de pneus duros.

Na volta 25 os dez primeiros eram Hamilton, Vettel, Rosberg, Massa, Bottas, Raikkonen, Grosjean, Sainz, Hulkenberg e Verstappen. No momento em que Vettel passava Hamilton, o inglês foi para os boxes e colocou pneus médios. Voltas depois, Rosberg foi para os boxes e saiu com pneus duros.

Hamilton tirava 1s por volta de Vettel, no entanto, 24s atrás de Sebastian ao sair dos pits, o inglês era obrigado a andar mais rápido para chegar no alemão no fim da prova. No entanto, não conseguiu chegar no piloto alemão após colocar pneus duros em sua última parada nos pits.

Vettel ainda chegou nas duas Red Bulls no fim da corrida e deu volta nos dois carros de seu antigo time.

Confira o resultado:

1. Sebastian Vettel ALE Ferrari-Ferrari 56 voltas 1hr 41m 05.793s
2. Lewis Hamilton GBR Mercedes-Mercedes +8.5s
3. Nico Rosberg    ALE Mercedes-Mercedes +12.3s
4. Kimi Raikkonen FIN Ferrari-Ferrari +53.8s
5. Valtteri Bottas FIN Williams-Mercedes +1m10.4s
6. Felipe Massa    BRA Williams-Mercedes +1m13.5s
7. Max Verstappen HOL Toro Rosso-Renault +1m 39.0s
8. Carlos Sainz Jr ESP Toro Rosso-Renault +1 volta
9. Daniil Kvyat    RUS Red Bull-Renault +1 volta
10. Daniel Ricciardo AUS Red Bull-Renault +1 volta
11. Romain Grosjean FRA Lotus-Mercedes +1 volta
12. Felipe Nasr    BRA Sauber-Ferrari +1 volta
13. Sergio Perez MEX Force India-Mercedes +1 volta
14. Nico Hulkenberg ALE Force India-Mercedes +1 volta
15. Roberto Merhi ESP Manor-Ferrari +3 voltas

Abandonaram

Pastor Maldonado VEN Lotus-Mercedes
Jenson Button GBR McLaren-Honda
Fernando Alonso ESP McLaren-Honda
Marcus Ericsson SUE Sauber-Ferrari

Não largou

Will Stevens GBR Manor-Ferrari problema sistema de combustível
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias