Vettel temeu perder classificação por problema no pescoço

compartilhar
comentários
Vettel temeu perder classificação por problema no pescoço
Scott Mitchell
Por: Scott Mitchell
Traduzido por: Daniel Betting
7 de jul de 2018 15:23

Sebastian Vettel revelou que ficou com medo de perder a classificação para o GP da Grã-Bretanha, depois que um problema no pescoço o limitou no TL3

Sebastian Vettel, Ferrari, congratulates Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1, after qualifying
Sebastian Vettel, Ferrari SF71H
Sebastian Vettel, Ferrari SF71H
Sebastian Vettel, Ferrari
Sebastian Vettel, Ferrari SF71H
Sebastian Vettel, Ferrari SF71H
Sebastian Vettel, Ferrari SF71H
Sebastian Vettel, Ferrari, Polesetter Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1, and Kimi Raikkonen, Ferrari, celebrate after qualifying

Sebastian Vettel ficou de fora dos minutos finais do terceiro treino livre depois de descrever um "incômodo" no pescoço, que lhe custou uma última simulação de classificação. Mesmo com o problema, conseguiu se classificar em segundo no grid da corrida de Silverstone após perder a pole para Lewis Hamilton por menos de meio décimo de segundo.

Perguntado se ele achava que poderia conquistar a pole, Vettel disse: "Para ser honesto, nesta manhã não, eu não tinha certeza se poderia fazer classificação. Na última volta eu estava feliz, parecia perder muito tempo nas retas, por isso faltava um pouco, mas penso que foi muito próximo.”

"Fiquei feliz com o segundo e isso nos dá uma boa chance."

Vettel admitiu que seu problema no pescoço significa que a classificação "não foi a sessão mais agradável", mas minimizou o impacto e as preocupações com a corrida.

Leia também:

"Não é nada dramático, a sessão foi boa. Tivemos que sair um pouco mais cedo do que eu queria nesta manhã, mas estava tudo bem.”

"Eu não sei o que aconteceu, mas foi um pouco duro. Eu não estou preocupado [pela corrida] porque a velocidade será menor que a no classificatório."

Vettel foi o mais rápido após as primeiras voltas do Q3 e encontrou mais tempo no último setor da volta, mas foi superado por Hamilton nos outros dois setores.

Por fim, Vettel chamou de "praticamente a mesma volta", o que dificultou a identificação de onde ele perdeu a pole.

"Eu estava muito feliz com a primeira volta no Q3, eu sabia que tinha que dar um pouco mais no setor três, o que eu acho que acertei na segunda tentativa, mas eu parecia perder um pouco as retas", explicou.

"Não sei bem por que. Fiz duas voltas idênticas, meio décimo você pode sempre argumentar que pode encontrar em algum lugar, acho que ele foi um pouco melhor nas voltas finais.”

"Estou confiante de que podemos ser mais rápidos amanhã. A corrida é geralmente um pouco melhor para nós."

O companheiro de equipe de Vettel na Ferrari, Kimi Raikkonen, definiu os primeiros e últimos setores da classificação em sua tentativa final de roubar o terceiro lugar, mas um setor intermediário um pouco pobre lhe custou a chance de derrubar Hamilton.

"Eu tive um pequeno momento na primeira volta, então eu levei isso um pouco mais fácil [no setor intermediário]", disse Raikkonen. "Eu ainda estava ganhando, mas tenho certeza que havia mais lugares para ganhar".

Confira o grid de largada do GP de Silverstone de Fórmula 1

Next article
Red Bull lamenta tempo perdido nas retas em Silverstone

Previous article

Red Bull lamenta tempo perdido nas retas em Silverstone

Next article

Hamilton celebra “uma das melhores voltas” da carreira

Hamilton celebra “uma das melhores voltas” da carreira
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Grã-Bretanha
Localização Silverstone
Pilotos Sebastian Vettel Shop Now
Equipes Ferrari Shop Now
Autor Scott Mitchell