Williams admite dificuldades, mas mira evolução em 2018

compartilhar
comentários
Williams admite dificuldades, mas mira evolução em 2018
13 de mar de 2018 10:14

Paddy Lowe diz que equipe tem problemas na entrada das curvas e reconhece que tal comportamento pode levar tempo para ser resolvido

Lance Stroll, Williams FW41 rear
Lance Stroll, Williams FW41
Paddy Lowe, Williams Formula 1
Sergey Sirotkin, Williams FW41
Sergey Sirotkin, Williams FW41
Lance Stroll, Williams FW41
Lance Stroll, Williams FW41
Lance Stroll, Williams FW41
Sergey Sirotkin, Williams FW41

Diretor técnico da Williams, Paddy Lowe admitiu que o modelo do time para a temporada de 2018 da F1, o FW41, possui alguns problemas de comportamento, mas acredita que o time conseguirá superar as dificuldades ao longo do campeonato.

Os pilotos da Williams, Lance Stroll e Sergey Sirotkin, além do reserva Robert Kubica, tiveram um desempenho discreto durante as atividades em Barcelona, o que gera a possibilidade de uma temporada complicada pela frente.

Lowe reconhece que o conjunto ainda conta com limitações, mas confia nos recursos para que haja progresso na campanha.

“A limitação do carro no momento é instabilidade na entrada das curvas. Isso é a limitação do carro de forma bem frequente, para ser honesto, mas está particularmente exagerado no momento”, disse, de acordo com o site da revista americana Racer.

“Se conseguirmos destravar algum progresso ali, encontraremos muito mais tempo de volta do que temos no momento, porque os outros aspectos do carro estão funcionando de forma muito, muito forte nas outras fases da curva.”

“A maioria dessas coisas envolvem um elemento aerodinâmico forte, mas as soluções envolvem tudo, desde suspensão, pneus e todo o resto. Então é sempre algo multidimensional.”

“Acho que um grande grau de mudança tanto na equipe que fez o carro quanto no carro em si, pode levar um tempo para se desenvolver e otimizar”, comentou. “Acho que podemos ter grande progresso durante a temporada e até na seguinte. Ainda é cedo para o potencial que acho que temos na equipe.”

Próxima Fórmula 1 matéria
Renault: sacrificamos resfriamento de motor por performance

Previous article

Renault: sacrificamos resfriamento de motor por performance

Next article

Alonso diz que considerou deixar a F1 ao fim de 2017

Alonso diz que considerou deixar a F1 ao fim de 2017
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Equipes Williams
Tipo de matéria Últimas notícias