Williams: Ordem de equipe a Massa custou 7º lugar ao time

64,255 visualizações

Equipe reconhece que inversão de posições entre Massa e Stroll foi em momento inoportuno e lamenta posição perdida a Stoffel Vandoorne

Depois de se tocar com as duas Force Indias na primeira curva, Felipe Massa acabou ficando atrás de Lance Stroll. Depois da primeira parada nos pits, o brasileiro retornou à frente. Porém, com o carro danificado, o time achou por bem inverter as posições, dando a Stroll uma chance melhor na prova. No entanto, isso acabou custando um possível sétimo posto ao time.

Diretor técnico da equipe, Paddy Lowe disse que a decisão de trocar posições foi tomada em parte devido ao dano que Massa havia tido depois de se tocar com os dois carros da Force India.

"Infelizmente, Felipe, que havia chegado até o quinto lugar, foi espremido pelas duas Force Indias e perdeu essa vantagem, indo para trás de Lance", explicou Lowe. "Ele danificou parte do assoalho do lado esquerdo, então haveria alguma perda de desempenho."

"Uma vez que a corrida assentou, Nico Hulkenberg parou muito cedo. Então nos sentimos obrigados a cobri-lo para salvar as posições, primeiro com Felipe e depois com Lance."

"Uma vez que Lance, que anteriormente estava à frente, acabou atrás de Felipe após as paradas de boxes, achamos que seria correto inverter os lugares. Também sabíamos que o carro de Felipe estava com algum dano."

"Infelizmente, na execução disso, perdemos uma posição potencial para Vandoorne, que saia dos boxes."

A dupla da Williams passou o resto da corrida atrás da McLaren. "Foi um segundo stint muito longo para Lance e Felipe", acrescentou Lowe.

"Mas os pneus duraram bem e mantivemos a posição para terminar com bons pontos em oitavo e nono, por isso parabéns aos dois pilotos por um forte fim de semana."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Felipe Massa , Lance Stroll
Tipo de artigo Últimas notícias