Pietro relata tensão pré-título e analisa entrada na F1

compartilhar
comentários
Pietro relata tensão pré-título e analisa entrada na F1
18 de nov de 2017 16:41

Novo campeão da Fórmula V8 3.5 admite ansiedade antes de corrida decisiva e fala sobre próximo passo da carreira

2017 champion Pietro Fittipaldi, Lotus, celebrates with his team
2017 champion Pietro Fittipaldi, Lotus, celebrates with his team
2017 champion Pietro Fittipaldi, Lotus, celebrates
2017 champion Pietro Fittipaldi, Lotus, with Nelson Piquet Jr.
Pietro Fittipaldi, Lotus
Pietro Fittipaldi, Lotus
2017 champion Pietro Fittipaldi, Lotus

Pietro Fittipaldi conquistou nesta sexta-feira o título da Fórmula V8 3.5, após chegar em segundo lugar na primeira corrida da rodada dupla no Bahrein. 

A conquista acabou sendo facilitada pelos problemas mecânicos que o russo Matevos Isaakyan teve quando largaria na pole position. Segundo colocado na classificação, 10 pontos atrás do brasileiro, ele acabou tendo que recolher para os boxes, entrando na pista já com cinco voltas completadas e amargando a última posição da corrida.

Falando com exclusividade ao Motorsport.com Brasil, Pietro relatou os momentos de tensão e angústia com a primeira bateria da etapa. 

“Eu estava muito tenso antes da corrida, depois da classificação que não foi tão boa assim, porque minha melhor volta foi eliminada por eu ter saído dos limites da pista, então tive que largar em quarto e o cara que estava em segundo no campeonato, em primeiro.”

“Eu sabia que nesta corrida eu tinha que ir com tudo para chegar nele para passá-lo. Deu um problema mecânico no carro dele na largada, eu vi quando ele ficou parado. Largamos e depois meu engenheiro me falou que em segundo eu era campeão. Eu estava forçando para passar o cara que estava em primeiro (Henrique Chaves), mas ele falou que era melhor terminar em segundo para ganhar o campeonato.”

“É claro que foi um alívio, mas eu não gosto de ganhar campeonato assim, mas esse tipo problema acontece.”

Com a conquista do título e o fim da Fórmula V8 3.5 em 2018, Pietro analisa as possibilidades para o futuro e surpreendentemente colocou a F1 como uma das possibilidades.

“É um pouco cedo, mas estamos negociando para ver o que a gente tem. Temos possibilidades na F1 e na F2 também, mas estamos analisando ainda.”

Para o próximo ano, as únicas duas equipes que ainda possuem assentos livres são a Sauber e o companheiro de Lance Stroll na Williams.

 

Próxima Fórmula V8 3.5 matéria
Fórmula V8 3.5 cancela temporada 2018 por falta de interesse

Previous article

Fórmula V8 3.5 cancela temporada 2018 por falta de interesse

Next article

Binder vence última prova da história da F-V8; Pietro é 2º

Binder vence última prova da história da F-V8; Pietro é 2º
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula V8 3.5
Pilotos Pietro Fittipaldi
Tipo de matéria Entrevista