Cecotto acerta estratégia e vence primeira corrida na Espanha; Nasr é 3º

Saindo de 16º no grid, venezuelano vai bem no ritmo e na estratégia e ganha terceira prova na carreira

O venezuelano Johnny Cecotto Jr deixou para trás o mal ano em 2013 e venceu de forma convincente a primeira corrida deste final de semana na Espanha. O piloto da Trident saiu em 16º, se beneficiou de problemas na primeira largada e na primeira volta e ampliou seu primeiro stint, enquanto Palmer e Nasr foram para os pits na volta seis da corrida.

Fazendo boa sequência de voltas, Cecotto conseguiu voltar dos pits à frente de Felipe Nasr. Virando um segundo mais rápido por setor com os pneus macios, o piloto passou rapidamente Jolyon Palmer e venceu a prova.

O britânico ainda foi acoçado pelo antigo companheiro de equipe, Felipe Nasr, até o fim da prova. O brasileiro havia conservado melhor seus pneus, mas não conseguiu passar Jolyon, que ficou com o segundo lugar. Nasr foi para seu primeiro pódio do ano, em terceiro. O outro carro da equipe Carlin ficou em quarto, Julián Leal. Com a Caterham, Haryanto fechou o Top 5.

A prova começou 10 minutos mais tarde do que o planejado. Na largada, mais problemas. O pole Stéphane Richelmi deixou seu motor apagar após a primeira largada ser abortada por um outro piloto ter deixado o motor apagar. Mas não foi só ele. Vandoorne, Izawa e Regalia também não saíram para a segunda volta de apresentação e tiveram que largar dos pits.

Na largada, Palmer saiu bem, mas era superado por Evans e Coletti na reta antes da primeira curva. No entanto, o neozelandês perdeu a trajetória, deixando sua freada para muito tarde e bateu em Coletti. Palmer foi para primeiro, com Nasr em segundo. Mas não foi só isso. Marciello e Facu Regalia também bateram na primeira volta, trazendo o Safety Car.

Na volta seis Palmer e Nasr, os dois primeiros, foram aos pits trocar pneus. A liderança foi para Julián Leal. O colombiano foi para os pits na volta seguinte, deixando a liderança para Haryanto na Caterham.

Após os primeiros pit stops, o Top 5 na volta 15 tinha Cecotto, Dillmann, Markelov, Binder e Daly. Entre os que já haviam parado, Evans (que trocou seu bico após o toque da primeira volta) era o 11º, à frente de Palmer, Nasr e Leal. Na metade da prova, a carenagem do motor de Dillmann começou a se soltar. O piloto recebeu bandeira preta e laranja para consertar o problema. Ele aproveitou para trocar os pneus.

A dez voltas do fim o Top 5 tinha Cecotto, Markelov, Binder, Daly e De Jong. Nasr era o 12º. Uma volta depois Cecotto entrou nos boxes para trocar os pneus. O venezuelano saiu entre Palmer e Nasr .O brasileiro tentou, mas não conseguiu passá-lo na saída do pit. Duas voltas depois da parada, Cecotto assumiu de novo a liderança, passando Jolyon Palmer na chicane antes da última curva.

Nasr ainda tentou atacar o ex-companheiro de equipe, mas não conseguiu passá-lo e acabou ficando com o lugar mais baixo do pódio.

Confira o resultado após 36 voltas:
 1.  Johnny Cecotto      Trident             1h00m28.853s           
 2.  Jolyon Palmer       DAMS                     +3.409s           
 3.  Felipe Nasr         Carlin                   +3.750s           
 4.  Julian Leal         Carlin                   +6.128s           
 5.  Rio Haryanto        Caterham                +15.895s           
 6.  Arthur Pic          Campos                  +16.842s           
 7.  Rene Binder         Arden                   +17.682s           
 8.  Tio Ellinas         MP                      +18.407s           
 9.  Tom Dillmann        Arden                   +20.565s           
10.  Adrian Quaife-Hobbs Rapax                   +21.265s           
11.  Stephane Richelmi   DAMS                    +21.460s           
12.  Stefano Coletti     Racing Engineering      +21.847s           
13.  Artem Markelov      Russian Time            +22.233s           
14.  Simon Trummer       Rapax                   +22.804s           
15.  Stoffel Vandoorne   ART                     +23.397s           
16.  Mitch Evans         Russian Time            +23.630s           
17.  Conor Daly          Lazarus                 +25.415s           
18.  Sergio Canamasas    Trident                 +42.769s           
19.  Kimiya Sato         Campos                  +48.653s           
20.  Takuya Izawa        ART                     +52.965s           
                                                                    
Abandonaram                                                        
                                                                    
     Daniel de Jong      MP                       26           
     Alexander Rossi     Caterham                 18           
     Nathanael Berthon   Lazarus                   3          
     Daniel Abt          Hilmer                    1           
     Raffaele Marciello  Racing Engineering        0           
     Facu Regalia        Hilmer                    0

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias FIA F2
Tipo de artigo Últimas notícias