Com ultrapassagem na largada, Stanaway supera Marciello e vence a segunda prova da GP2

Australiano aproveitou o espaço na largada e ultrapassou o italiano, fazendo uma prova bem tranquila

Na segunda prova da GP2 realizada neste sábado (23), o trunfo ficou com Richie Stanaway que superou Rafaelle Marciello na largada. O australiano fez uma prova muito consistente e abriu vantagem, vencendo com tranquilidade. Negrão fechou em 17º.

Antes da corrida começar o carro da Russian Time do Evans ficou parado no alinhamento do grid, o que obrigou o piloto inglês a dar adeus a prova.

A largada foi feita sem nenhum problema, e o pole Rafaelle Marciello perdeu a posição para o Stanaway. Na subida do Cassino, a primeira confusão entre Cecotto e Amberberg, que foi obrigado a ser acionado o Safety Car Virtual por alguns minutos, também pelo carro do Haryanto, que por uma batida, ficou parado na curva do hotel.

Assim que a bandeira verde foi reestabelecida, começou a carreata liderada por Stanaway, seguido por Marciello, Sirotkin, Canamasas e Leal. O brasileiro Alexandre Negrão, que largou em penúltimo, subiu para a 18ª colocação.

A corrida ia passando, mas as posições se mantendo, pois achar um ponto de ultrapassagem em Mônaco é uma missão quase impossível. Marciello tentava se aproximar de Stanaway, mas a cada volta ficava ainda mais difícil.

Na volta 17, a única briga era nas posições intermediárias, Binder e Markelov começaram uma grande batalha pela 15º colocação, com isso fez outros dois carros se aproximarem, um deles era do brasileiro Negrão.

Na volta 26, ao tentar uma ultrapassagem, King voou em cima do carro de Gasly na saída do Túnel e foi parar só na área de escape ao lado da chicane, sendo fim de prova para o piloto.

Por fim, a vitória acabou mesmo nas mãos de Stanaway, que fez uma prova muito consistente, abrindo para Marciello, que chegou em segundo. Sirotkin, fechou o pódio em terceiro. O brasileiro Alexandre Negrão completou a prova em 17º.

Confira o resultado da prova:

1 – R. Stanaway – Status Grand Prix – 30 voltas
2 – R. Marciello – Trident - +2.0s
3 – S. Sirotkin – Rapax - +3.2s
4 – S. Canamasas – MP Motorsport - +5.6s
5 – J. Leal – Carlin - +13.4s
6 – A. Pic – Campos Racing - +20.6s
7 – A. Rossi – Racing Engineering - +22.1s
8 – S. Vandoorne – ART Grand Prix - +23.1s
9 – N. Yelloly – Hilmer Motorsport - +33.3s
10 – P. Gasly – Dams - +45.3s
11 – A.Lynn – Dams - +46.0s
12 – D. De Jong – MP Motorsport - +47.0s
13 – R. Visoiu – Rapax - +47.3s
14 – A. Makelov – Russian Time - +47.6s
15 – N. Berthon – Lazarus - +50.0s
16 – R. Binder – Trident - +58.3s
17 – A. Negrão – Arden Internacional - +58.4s
18 – M. Stockinger – Status Grand Prix - +59.8s
19 – N. Matsushita – ART Grand Prix - +60.5s
20 – M. Sorensen – Carlin - +68.5s
21 – N. Nato – Arden Internacional - +70.9
22 – J. King – Racing Engineering – abandonou
23 – R. Haryanto – Campos Racing – abandonou
24 – J. Cecotto – Hilmer Motorsport – abandonou
25 – Z. Amberg – Lazarus – abandonou
26 – M. Evans – Russian Time - abandonou

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias FIA F2
Pilotos Richie Stanaway , Raffaele Marciello
Equipes Status Grand Prix
Tipo de artigo Relato da corrida