Matsushita bate companheiro Vandoorne e vence pela primeira vez

Piloto japonês da ART ganha corrida de domingo da GP em Hungaroring após batalha com líder do campeonato

Nobuharu Matsushita conseguiu sua primeira vitória na GP2 neste domingo na corrida mais curta do final de semana do GP da Hungria. Largando da pole do grid invertido, o japonês fez uma ótima partida, mantendo o primeiro lugar. Seu companheiro Vandoorne pulou de quarto no grid para segundo, e fez início de prova agressivo.

Parecia questão de tempo para que ele passasse o piloto japonês. O belga teve uma chance clara na curva 1 de Hungaroring, mas não conseguiu aproveitar. Nas voltas seguintes, Stoffel passou a ter ritmo inconstante, o que fez Matsushita abrir uma confortável vantagem de quatro segundos na frente.

Vandoorne até esbouçou uma reação, diminuindo a desvantagem para dois segundos, mas mais uma vez acabou sofrendo com problemas de performance. Isso levou Sergey Sirotkin a se aproximar de Stoffel nas últimas voltas. Mas o belga conseguiu segurar a pressão do russo de 19 anos, apesar de uma tentativa de ultrapassagem na primeira curva na última volta.

O italiano Raffaele Marciello foi o quarto colocado, com Rio Haryanto – que assumiu neste domingo a vice-liderança do campeonato de Alexander Rossi – na quinta posição. Pela primeira vez na temporada o norte-americano não marcou pontos em nenhuma das duas provas, sendo 12º e 20º.

O francês Norman Nato foi o sexto, com o romeno Robert Visoiu, dono da volta mais rápida de ontem, em sétimo. Pierre Gasly foi o oitavo, à frente do companheiro Alex Lynn, que não conseguiu pontuar depois de vencer a prova de ontem.

André Negrão foi o 19º.

A próxima rodada dupla acontece em Spa-Francorchamps nos dias 22 e 23 de agosto.

Volte em instantes.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias FIA F2
Evento Hungaroring
Pista Hungaroring
Pilotos Nobuharu Matsushita
Equipes ART Grand Prix
Tipo de artigo Relato da corrida