Trident encerra contrato com suspenso Ferrucci

compartilhar
comentários
Trident encerra contrato com suspenso Ferrucci
Por: Jack Benyon
18 de jul de 2018 11:03

A equipe Trident rompeu com Santino Ferrucci, piloto júnior da equipe Haas, após o piloto colidir com seu companheiro de equipe e guiar com um celular em sua mão.

Santino Ferrucci, Trident
Santino Ferrucci, Trident
Santino Ferrucci, Trident
Santino Ferrucci, Trident
Santino Ferrucci, Trident

Ferrucci está suspenso das duas próximas rodadas, na Hungria e em Spa, após bater na traseira de Arjun Maini na volta de retorno aos boxes apó a segunda bateria da etapa de Silverstone.

A dupla havia se desentendido na pista em ambas as corridas na Inglaterra.

Ferrucci também recebeu uma multa de 66 mil euros por guiar pelo paddock sem uma luva e com um celular.

A Trident citou as ações de Ferrucci, além de problemas de pagamento, para justificar a rescisão de contrato.

O comunicado diz: “A Trident Motorsport informa que comunicou a Santino Ferrucci e seu fiador, uma empresa representada pelo senhor Michael Ferrucci, o encerramento do contrato com a equipe.”

“A decisão foi motivada pelos acontecimentos, que agora são de domínio público, que aconteceram em Silverstone, além de uma séria violação nas obrigações de pagamento do piloto.”

Leia também:

“Desde o começo do campeonato, o piloto justificou a situação do pagamento com supostas falhas de seus patrocinadores de cumprir com suas obrigações.”

“Isso parece estranho, já que, apesar de problemas desta natureza, Santino Ferrucci tinha os recursos necessários para participar da etapa de Detroit da Indy, entre 1 e 3 de junho, sendo que, ao mesmo tempo, ele não honrou seu acordo com a Trident Motorsport.”

“A Trident pediu para que seus advogados ativassem todos os procedimentos necessários a fim de recuperar seus créditos com o piloto.”

A equipe ainda não oficializou o substituto para Ferrucci para a próxima etapa do campeonato.

Além disso, o Motorsport.com entende que Ferrucci também foi dispensado da empresa que gerenciava sua carreira, a GP Sports Management, de propriedade do veterano agente Julian Jakobi.  

Next article
Norris: temporada de 2018 é “a pior” de sua carreira

Previous article

Norris: temporada de 2018 é “a pior” de sua carreira

Next article

Equipes da F2 aprovam atualizações dos carros

Equipes da F2 aprovam atualizações dos carros
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria FIA F2
Pilotos Santino Ferrucci
Equipes Trident
Autor Jack Benyon