Fórmula E / ePrix de Londres

Buemi dispara contra di Grassi: "respeito zero por ele"

Recém-sagrado campeão da Fórmula E, Sébastien Buemi diz que perdeu o respeito por Lucas di Grassi, acusando o rival na briga pelo título de procurar culpados externos para os próprios erros

Sébastien Buemi, o mais novo campeão da Fórmula E, segue bastante insatisfeito com Lucas di Grassi após o polêmico encontro entre os dois na largada da segunda corrida do ePrix de Londres, etapa final da segunda temporada do campeonato de carros elétricos.

Após conseguir a pole, Buemi empatou com di Grassi em pontos, mas o brasileiro levava vantagem no desempate por ter dois terceiros lugares contra um do suíço. No primeiro ponto de freada da prova, o piloto da e.Dams foi atingido pelo rival da ABT Audi e ambos ficaram sem chance alguma de entrar no top 10 para pontuar.

A única opção de pontuar seria pela volta mais rápida da prova, feito alcançado por Buemi e que deu a ele o título, mas a mágoa com o brasileiro ficou evidente. Di Grassi alegou que o suíço freou mais cedo do que o normal, justificativa que não convenceu nenhum pouco o campeão.

"Você sempre vai frear mais cedo, pois os freios e pneus ainda estão frios, além de não termos uma volta de apresentação. Sinceramente, tenho respeito zero por ele, mas estou feliz com o que fiz, pois sei que foi a coisa certa", disse.

"É só olhar as imagens. O que ele disse é, na verdade, desrespeitoso. Em primeiro lugar, ele está mentindo. Além disso, ele está tentando culpar algum agente externo quando na verdade ele cometeu um grande erro", disparou.

Bloqueio na pista

E não foi só da batida que Buemi reclamou. Após a dupla pegar o segundo carro, ambos administraram a bateria dos carros para tentar a volta mais rápida da prova. O primeiro a fazer isso foi di Grassi. Depois, segundo alega o piloto da e.Dams, o brasileiro tentou bloquear o suíço deliberadamente para que ele não conseguisse registrar uma volta veloz.

"Depois do toque, pensei "tudo bem, somos mais rápidos, então vai ficar tudo bem", mas então aconteceu algo inacreditável. Ele foi para a pista, fez a volta dele e ficava me esperando toda vez que eu tentava uma volta rápida."

"Usei 60% da minha bateria antes de conseguir uma volta boa e não queria acreditar naquilo. Sabia que poderia ser veloz se tivesse pista livre, mas comecei a ficar irritado com a situação - via minha bateria acabando e não conseguia fazer uma volta limpa", contou.

"Fico triste, pois vencer desse jeito não é o ideal e me chateia ver o que Lucas fez, pois sempre respeitei a pilotagem dele, que tem sido muito boa", destacou, para em seguida dar uma alfinetada no brasileiro.

"Como ele disse várias vezes, o carro dele não era o melhor mas ele pilotou muito bem e se ele estivesse no meu carro seria meio segundo mais veloz", afirmou.

"Na largada, ele se colocou entre Nico (Prost) e o muro e não havia muito espaço. Quando ele começou a frear, teve duas opções: acertar o lado direito ou a traseira do meu carro - o que ele conseguiu, mas com força demais e nós dois fomos prejudicados", disse.

"É triste, pois me parece que era a única chance dele. No fim das contas, tivemos o carro mais veloz e a melhor equipe", completou.

Reportagem adicional por Jamie Klein

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula E
Evento ePrix de Londres
Pista Streets of London
Pilotos Lucas di Grassi , Sébastien Buemi
Equipes DAMS
Tipo de artigo Últimas notícias