Equipe de Jarno Trulli oficializa saída da Fórmula E

Time italiano confirma que não correrá mais após perder as duas primeiras corridas do ano; grid fica com 18 carros

A equipe comandada pelo ex-piloto da Fórmula 1 Jarno Trulli confirmou oficialmente nesta terça-feira (15) que não irá mais participar da temporada 2015-2016 da Fórmula E. O time perdeu as primeiras duas provas do ano.

Os pilotos seriam Vitantonio Liuzzi e Salvador Duran.

"Depois de não comparecer às verificações técnicas em Pequim e Putrajaya e tendo em vista nosso acordo comercial com a Formula E Holdings, somos obrigados a anunciar a desistência da Trulli Formula E do campeonato deste ano", disse o CEO da Trulli, Francesco Test.

"Como principais defensores deste campeonato de carros eléctricos, estamos a favor de deixar espaço para uma nova equipe entrar no campeonato e ajudar a desenvolver a competição e a tecnologia das corridas elétricas."

Chefe da Fórmula E, Alejandro Agag acrescentou: "estamos desapontados que a Trulli tenha decido deixar o campeonato. Ter um piloto como Jarno Trulli envolvido nos primeiros dias certamente ajudou a impulsionar a credibilidade da Fórmula E.”

"Tomar a decisão de se tornar um fabricante foi ousada, e que foi sempre vai apresentar desafios devido aos avanços técnicos nos quais a Fórmula E é pioneira.”

"Ao mesmo tempo que estamos muito tristes de ver a Trulli sair, isso cria uma oportunidade para uma nova equipe e fabricante entrarem. Estamos muito confiantes sobre o futuro do campeonato."

A Jaguar foi anunciada para a próxima temporada nesta terça-feira.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula E
Equipes Trulli
Tipo de artigo Últimas notícias