Fórmula E trabalha para ter etapa brasileira no calendário

CEO da categoria, Alejandro Agag, vem ao Brasil na próxima semana em busca de apoio

A categoria dos carros totalmente elétricos considera incluir uma etapa brasileira em seu campeonato. Em entrevista ao MOTORSPORT.COM, Alejandro Agag falou da possibilidade.

"Estamos olhando para o Brasil. Temos algumas pessoas do país aqui (em Punta del Este) neste fim de semana e eu posso viajar para lá na segunda-feira para algumas reuniões", disse Agag.

"Precisamos de um promotor no Brasil, de alguém que nos ajude, mas gostaríamos de correr lá, porque tem uma grande base de fãs e temos pilotos brasileiros, então acho que seria ótimo", acrescentou.

O Rio de Janeiro era uma das cidades cogitadas para entrar no campeonato ainda na temporada inaugural, mas os planos foram deixados de lado seis meses antes do início da competição.

"Há diferentes opções. Rio de Janeiro e São Paulo são lugares difíceis, mas estamos abertos", acrescentou Agag.

Apesar da intenção da categoria, Nelson Piquet Jr., atual campeão, declarou que o país não reúne condições de receber o evento neste momento.

"Honestamente, não é interessante ter uma prova no Brasil. Não acho que o país está em posição de gastar dinheiro em receber uma corrida assim agora.", disse Piquet.

Ausência de Berlim

A etapa de Berlim da atual temporada foi cancelada, devido à utilização do aeroporto de Tempelhof no apoio aos refugiados sírios que chegam à capital alemã. O CEO garantiu que o prazo final para a escolha de um novo local se dará até o fim de janeiro.

"Estamos à procura de um substituto para Tempelhof. Ainda temos opções em Berlim, o que é bom."

"Temos também outras possibilidades fora da Alemanha, mas estamos considerando primeiramente em permanecer no país."

"Por causa da logística, temos que definir isso rapidamente, então até o fim de janeiro teremos essa confirmação."

Mais e novos destinos

Agag também declarou que trabalha para que a F-E chegue em um maior número de destinos e em diferentes lugares.

"Estamos trabalhando para uma corrida na Austrália, mais duas na Ásia, Oriente Médio, talvez mais uma na Europa."

"Existem diferentes opções para a Austrália, ainda não decidimos isso."

Agag, porém, foi vago sobre se Montreal estaria na terceira temporada como se acreditava anteriormente.

"Eu tive uma reunião com o prefeito de Montreal e ele me confirmou que realmente quer receber uma etapa", disse ele. "Mas ainda não sabemos se será para 2016 ou 2017."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula E
Pilotos Nelson Piquet Jr.
Tipo de artigo Últimas notícias
Tags alejandro agag