Renault vai fornecer motores para mais uma equipe da F-E

A unidade de potência mais bem sucedida da atual temporada está garantindo um segundo time para o terceiro campeonato da categoria dos carros elétricos

A Renault venceu duas das quatro provas da atual temporada da F-E, liderou metade de todas as voltas até agora e conta com a liderança do suíço Sébastien Buemi, quatro pontos à frente do brasileiro Lucas di Grassi.

O Motorsport.com apurou que a fabricante francesa terá uma segunda equipe no grid da F-E para a terceira temporada da categoria. A confirmação deve vir no dia 31 de março, que é o prazo final para inscrição de novos times.

"Acho que pode acontecer", disse o chefe da Renault e.Dams, Jean-Paul Driot.

"Aparentemente há uma negociação com uma equipe acontecendo. Este é um dos propósitos do campeonato (fornecer motores para outras escuderias).

A equipe que pode ter equipamento Renault na terceira temporada é a Aguri, que tem competido somente com setup do primeiro campeonato. O time, junto com a Andretti, são os únicos a competirem em 2016 nestas condições.

A Andretti - que está com equipamento Spark-Renault - está negociando várias parcerias técnicas para o futuro. 

O potencial acordo com a Renault da Aguri seria crucial nas tentativas de manter Antonio Felix da Costa. O português é um dos cotados para competir pela Jaguar, que também estará na F-E na terceira temporada. 

A Aguri, que tem acionistas franceses e monegascos, não quis comentar sobre o negócio quando foi abordada pela equipe do Motorsport.com na Cidade do México.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula E
Tipo de artigo Últimas notícias