Ex-chefe da Lola, Martin Birrane morre aos 82 anos

compartilhar
comentários
Ex-chefe da Lola, Martin Birrane morre aos 82 anos
Por: Gary Watkins
11 de jun de 2018 21:51

Irlandês era além de empresário bem-sucedido, piloto vencedor das 24 Horas de Le Mans

Martin Birrane, ex-chefe da Lola Cars International e piloto de carros esportivos, morreu aos 82 anos.
O irlandês teve um envolvimento de 50 anos no automobilismo que conseguiu suas próprias façanhas ao volante, a propriedade da equipe, o resgate do circuito de Mondello Park e, em seguida, a construção de carros de da britânica Lola.

Empresário de sucesso, ele comprou a Lola Cars em 1997, renomeou como Lola Cars International e permaneceu no comando até 2012.

Naquela época, produziu a primeira geração do A1 Grand Prix e uma linha de protótipos de LMP bem-sucedidos, incluindo o fator MG LMP675 de 2001-2002, além de diversificar para o setor automotivo e aeroespacial.

O nome Lola vivia sob sua direção depois que a empresa parou de fabricar carros de corrida e ofereceu serviços técnicos que incluíam um dos mais avançados túneis de vento da Europa.

Birrane começou a correr em 1967, em um Ford Anglia e foi competir no British Touring Car Championship, Formula 5000 e em sportscars.

Ele competiu em Le Mans 10 vezes, entre 1973 e 1988, vencendo sua classe ao volante de uma BMW M1 em 1985.

Birrane comprou a Mondello em 1986, ampliou o circuito e trouxe o BTCC e o Campeonato da FIA Sportscar para o local.

Ele teve brevemente uma equipe da NASCAR no início dos anos 90 e até deteve o recorde irlandês de velocidade terrestre.

Next article
Radar Verde-amarelo: Brasileiros fazem bonito na Europa

Previous article

Radar Verde-amarelo: Brasileiros fazem bonito na Europa

Next article

Programas do Motorsport.tv ganham Telly Awards

Programas do Motorsport.tv ganham Telly Awards
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Geral
Autor Gary Watkins