Christian Fittipaldi anuncia aposentadoria das pistas

compartilhar
comentários
Christian Fittipaldi anuncia aposentadoria das pistas
5 de ago de 2018 11:52

Ex-piloto de Fórmula 1, Indy, NASCAR e Stock Car revela que irá parar de correr profissionalmente após 24 Horas de Daytona de 2019

Depois de 37 anos de carreira, Christian Fittipaldi irá encerrar seu ciclo como piloto profissional. O brasileiro de 47 anos de idade, neto do bicampeão de Fórmula 1 Emerson Fittipaldi e filho do ex-piloto Wilson Fittipaldi, anunciou que irá parar de correr profissionalmente a partir do próximo ano.

A ocasião de sua despedida vai ser a disputa das 24 Horas de Daytona de 2019, prova que já ganhou três vezes na carreira.

“Tudo na vida tem um começo, um meio e um fim. E eu ainda estou no começo deste estágio final da minha carreira e competindo neste nível”, falou Fittipaldi.

“Tudo o que posso dizer é que tem sido uma jornada maravilhosa. Obrigado mãe (Susy) e pai (Wilson Fittipaldi) e toda a minha família. Sem eles, eu não teria as oportunidades que consegui em toda a minha carreira. Minha esposa e minha filha que sempre me deram muita motivação, especialmente nos últimos estágios da minha carreira.”

Fittipaldi será diretor esportivo de sua equipe no IMSA, a Action Express, ao final de sua carreira.

Christian iniciou no kart com dez anos, e passou seis anos correndo na modalidade. Em 1988, foi vice-campeão de Fórmula Ford, em 1989 campeão da Fórmula 3 brasileira e em 1990 sul-americano.

Ele foi para a Europa em 1991, conquistando já de cara o título de F3000 (equivalente à Fórmula 2 atualmente) pela equipe Pacific, derrotando seu parceiro, Alessandro Zanardi.

A conquista abriu as portas para a Fórmula 1 em 1992, pela Minardi. Já em sua primeira temporada ele conquistou seu primeiro ponto, com um sexto lugar no GP do Japão. Depois de fazer 1993 também pela Minardi, ele se transferiu para a Arrows em 1994 – seu último ano na F1. Foram 40 GPs na F1 somando 12 pontos ao todo (à época só o top-6 pontuava).

Em 1995, ele se transferiu para a IndyCar/Champ Car, onde ficou até 2002. Lá Christian conquistou logo em seu primeiro ano um segundo lugar em Indianápolis pela equipe Walker, mas teve um ano difícil. A partir de 1996 ele competiu pela Newman-Haas, onde conquistou duas vitórias, em Road America em 1999 e nas 500 Milhas de Fontana de 2000. Essa parte da carreira foi marcada por fortes acidentes, em Surfers Paradise em 1997 – quando fraturou sua perna – e em 1999, quando bateu a quase 300 km/h em Gateway, sofrendo uma concussão.

Em 2002, o piloto disputou sua primeira corrida na principal divisão da NASCAR, depois de correr na Busch Series. Na sequência, ainda correu na A1 GP, American Le Mans e na Stock Car no Brasil. Até chegar em definitivo ao IMSA.

Apesar da experiência e conquistas em grandes categorias, um elemento manteve-se constante ao longo dos anos: sua participação nas 24 Horas de Daytona. Com 13 largadas na corrida, sendo oito com a Action Express Racing, Fittipaldi foi um regular frequentador do pódio no evento, vencendo em 2004, 2014 e novamente em 2018 ao lado de João Barbosa e Filipe Albuquerque.

Sua campanha na equipe Action Express Racing também gerou várias conquistas, incluindo os campeonatos de 2014 e 2015 do IMSA WeatherTech SportsCar Championship, bem como a Copa Norte-americana de Endurance em 2014, 2015, 2016 e 2017.

“Não tenho como expressar toda a minha gratidão a todos os patrocinadores que se associaram a mim ao longo da minha carreira, a todas as equipes que corri, especialmente à Action Express Racing”, destacou Fittipaldi.

“Não tenho palavras para descrever esta equipe. É um time excelente e acredito que capitalizamos em todas as oportunidades que tivemos, ao máximo. E também os meus companheiros João (Barbosa) e Filipe (Albuquerque), que são mais do que companheiros de equipe pra mim. Vocês fizeram minha vida ser menos difícil. Vocês mandam muito bem e eu espero que continuem vencendo.”

Próxima IMSA matéria
Equipe de Pipo Derani perderá patrocínio no fim de 2018

Previous article

Equipe de Pipo Derani perderá patrocínio no fim de 2018

Next article

GALERIA: Relembre a carreira de Christian Fittipaldi

GALERIA: Relembre a carreira de Christian Fittipaldi
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria IMSA
Tipo de matéria Últimas notícias