Derrotado por 0s007, Hélio lamenta: “Fiz tudo o que pude”

Apesar de perder a pole, brasileiro vê Penske em boa posição para as 24 Horas de Daytona

Hélio Castroneves não escondeu sua chateação por perder a pole position para as 24 Horas de Daytona por uma pequena margem.

O brasileiro, a bordo do protótipo Acura da Penske, acabou batido na sessão classificatória por Renger Van Der Zande, com um Cadillac, que o superou por apenas 0s007.

Desta forma, o time de Castroneves, que também tem Graham Rahal e Ricky Taylor, partirá da segunda posição. Mesmo considerando ter feito o máximo que podia, Castroneves lamentou a perda da pole.

“Fiz tudo o que pude. Infelizmente, fui superado por apenas 0s007. Não há nada que se possa fazer quanto a isso. Mas tudo bem, estivemos fortes”, disse o brasileiro, segundo o site da revista Racer.

“Os caras [mecânicos] terão de consertar algumas coisas no carro, porque eu forcei realmente muito. Mas estamos largando da primeira fila, o que é bem importante. É um bom começo para nossa equipe.”

“Ainda temos muita coisas para aprender, mas estou realmente feliz pela Acura Team Penske e todos os rapazes. Trabalhamos duro para chegar a esse ponto e temos alguns treinos a mais para fazer o ajuste fino para sábado”, disse.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IMSA
Evento 24 Horas de Daytona
Pista Daytona International Speedway
Tipo de artigo Últimas notícias