Fisichella: Alonso precisa aprender para Daytona

compartilhar
comentários
Fisichella: Alonso precisa aprender para Daytona
Por: Tom Errington
Traduzido por: Daniel Betting
31 de out de 2017 16:34

Ex-companheiro do espanhol na F1 diz que espanhol deve aprender a dirigir no trânsito de um evento de resistência como as 24 horas de Daytona

#2 Tequila Patrón ESM Nissan DPi: Scott Sharp, Ryan Dalziel, Brendon Hartley
#2 Tequila Patrón ESM Nissan DPi: Scott Sharp, Ryan Dalziel, Brendon Hartley
#2 Tequila Patrón ESM Nissan DPi: Scott Sharp, Ryan Dalziel, Brendon Hartley
#2 Tequila Patrón ESM Nissan DPi: Scott Sharp, Ryan Dalziel, Brendon Hartley

Fernando Alonso fará sua estreia em corridas de resistência em Daytona, um evento que marcará como um teste-chave em seu treinamento para chegar a Le Mans e continuar sua busca pela Tríplice Coroa.

A McLaren já deu o apoio ao asturiano ao declarar que a etapa dos Estados Unidos é ideal para o piloto se preparar para Le Mans, com seu novo contrato de F1 permitindo-lhe, a princípio, correr em La Sarthe se a oportunidade chegar .

"Não é parte da Tríplice Coroa [GP de Mônaco, Indy 500 e Le Mans], mas, como sempre disse, meu objetivo é ser um piloto completo e essa experiência me ajudará na preparação para qualquer outra corrida de resistência", disse o espanhol.

Giancarlo Fisichella, que foi companheiro de equipe de Alonso na Renault, competiu seis vezes em Daytona, conseguindo um pódio e vencendo na categoria GTE Le Mans duas vezes, disse que o espanhol só aprenderia só aprenderia com Daytona.

"Sim, totalmente. É diferente, é um circuito diferente e um tipo diferente de corida, especialmente em termos de regulamentos, carros de segurança e bandeiras amarelas, zonas lentas [usadas na IMSA], tudo é diferente".

"Em Daytona, é realmente importante estar na volta do líder até as últimas duas horas e, então, é uma corrida real, Le Mans é diferente, é importante ganhar uma vantagem o mais rápido possível e até o fim".

Fisichella enfatizou que aprender a pilotar em uma corrida com diferentes categorias de carros será o maior desafio para Alonso.

"É muito bom saber que Alonso estará lá e muito positivo para o esporte, especialmente para o campeonato da IMSA, Alonso é um ótimo piloto e vai aprender muito rápido a guiar o carro. O único problema será o trânsito com o GT e os carros mais lentos. Precisa aprender a gerenciar, mas pode começar a fazê-lo no próximo teste".

Próxima IMSA matéria
Confirmado: Alonso fará 24 Horas de Daytona em janeiro

Previous article

Confirmado: Alonso fará 24 Horas de Daytona em janeiro

Next article

Campeão do DTM, Rast fará provas no IMSA em 2018

Campeão do DTM, Rast fará provas no IMSA em 2018
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria IMSA
Pilotos Fernando Alonso Shop Now
Autor Tom Errington
Tipo de matéria Últimas notícias